Coordenador do bloco afro Malê Debalê morre em Salvador

salvador
05.10.2020, 13:52:00
Atualizado: 05.10.2020, 14:39:55

Coordenador do bloco afro Malê Debalê morre em Salvador

Gilmar Duvalier apresentava sintomas da covid-19

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Coordenador do bloco afro Malê Debalê morre em Salvador

Foto: Reprodução

Um dos responsáveis pela coordenação do bloco afro Malê Debalê morreu na noite deste sábado (3), em Salvador. Gilmar Duvalier estava com sintomas de covid-19 e não resistiu.

Ele chegou a ficar internado por três dias na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itapuã, mas precisou ser transferido para o hospital de campanha da Fonte Nova após agravamento do quadro. Gilmar, que era diabético, morreu pouco depois, com sintomas da covid-19.

O coordenador foi submetido a um teste para saber se tinha a doença, mas o resultado ainda não foi divulgado. Ele foi enterrado na tarde de domingo (4), no cemitério de Plataforma.

Nas redes sociais, Gilmar, que era um dos integrantes mais antigos do Malê Debalê e dava aulas de dança na comunidade, foi homenageado. "Nossos mais sinceros agradecimentos a Gilmar Duvalier. Seu trabalho fortaleceu nossa comunidade e coloriu a avenida com alegria, paixão e muito movimento. Eternamente em nossos corações", escreveu o perfil oficial do Malê.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas