Cortina do Abraço

olhares
07.08.2020, 20:12:10
Atualizado: 07.08.2020, 21:07:26

Cortina do Abraço

A pandemia do novo coronavírus e o consequente distanciamento, principalmente para os idosos que fazem parte do grupo de risco, tem relembrado as pessoas do significado do abraço, gesto simples e corriqueiro que foi tirado da vida social durante o isolamento.

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O projeto Cortina de Abraço aconteceu no Lar Franciscano Santa Isabel.
O projeto Cortina de Abraço aconteceu no Lar Franciscano Santa Isabel. (Tiago Caldas/CORREIO)
Idosos esperavam ansiosos para abraçar familiares e amigos.
Idosos esperavam ansiosos para abraçar familiares e amigos. (Tiago Caldas/CORREIO)
Após meses isolados, os idosos se emocionaram ao ficar tão próximos de entes queridos.
Após meses isolados, os idosos se emocionaram ao ficar tão próximos de entes queridos. (Tiago Caldas/CORREIO)
Celina e Mariana se abraçam após quatro meses.
Celina e Mariana se abraçam após quatro meses. (Tiago Caldas/CORREIO)
A cortina que permitiu os abraços é feita de plástico e foi higienizada após cada abraço com a aplicação de álcool em gel.
A cortina que permitiu os abraços é feita de plástico e foi higienizada após cada abraço com a aplicação de álcool em gel. (Tiago Caldas/CORREIO)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas