Covid em queda: medidas restritivas podem ser flexibilizadas em março na Bahia

bahia
17.02.2022, 09:57:27
(Paula Fróes/GOVBA/Arquivo)

Covid em queda: medidas restritivas podem ser flexibilizadas em março na Bahia

Segundo o governador Rui Costa, tudo vai depender do cenário epidemiológico da doença

Com a estabilidade e indícios de queda dos números da covid-19 na Bahia, o governador Rui Costa afirmou que o estado pode começar a ter flexibilização das medidas restritivas. No entanto, isso só deve acontecer a partir de março.

"Por enquanto, nós não flexibilizaremos para nenhum evento, seja festivo ou esportivo. O que nós podemos fazer, se os números continuarem caindo, a partir dos primeiros dias de março, anunciar o retorno lento da flexibilização das medidas, mas ocorrerão na medida da queda da doença", explicou o governador, nesta quinta-feira (17). 

Segundo Rui, a capacidade dos eventos pode ser ampliada progressivamente no estado. Atualmente, só são permitidos eventos com público de até 1.500 pessoas, em espaços fechados, nos quais sejam possíveis fiscalizar as medidas sanitárias. "Se hoje é 1.500, se os números continuarem caindo, podemos voltar a 3 mil, depois a 5 mil", explicou.

Entrega de viaturas
As falas do governador aconteceram durante uma solenidade de comemoração dos 197 anos da Polícia Militar da Bahia (PMBA) na Vila Policial Militar do Bonfim, em Salvador. Na ocasião, foram entregues 150 motocicletas e 27 viaturas para a corporação.

Como parte das comemorações, policiais militares receberam também medalhas  por tempo de serviço prestado à comunidade baiana e haverá entrega de títulos de Amigo da PM a personalidades civis.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas