Crianças coreanas mortas após acidente em vala serão enterradas neste domingo na Bahia

bahia
01.05.2022, 09:47:20
Na fazenda vive uma comunidade sul coreana (Divulgação )

Crianças coreanas mortas após acidente em vala serão enterradas neste domingo na Bahia

As cinco crianças brincavam quando o local desmoronou

Os corpos das cinco crianças coreanas que morreram soterradas ao brincar em uma vala na cidade de Formosa do Rio Preto, no oeste baiano, serão enterrados neste domingo (1). O acidente aconteceu na tarde de sexta-feira (29). As vítimas saíram para brincar pela manhã numa localidade conhecida como Vila dos Coreanos, na Fazenda Doalnara Oásis, que fica no povoado São Marcelo. O local onde as crianças estavam desmoronou e todas acabaram soterradas. As crianças serão enterradas no mesmo povoado onde aconteceu o acidente, a cerca de 50 quilômetros da área urbana do município. 

Relembre
Segundo relato dos familiares às equipes de socorro, as crianças saíram por volta das 9h e demoraram a voltar. Por volta das 12h30, parentes saíram à procura e encontraram os chinelos de algumas delas próximo a um buraco. O local estava sendo escavado para implantação de uma tubulação de água. Apesar da chuva nos últimos dias, a terra no local não estava muito molhada, mas, segundo agentes do Samu, o terreno estava se soltando com facilidade. Eles acreditam que uma das crianças caiu e as demais tentaram socorrer, mas acabaram caindo com o deslizamento de terra. 

Entre as vítimas estão duas crianças de 11 anos, duas de sete, uma de seis. Todas elas morreram por asfixia. A Polícia Civil expediu guias para fazer perícia no local e remover os corpos. Segundo a prefeitura, eles serão encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras. Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado como morte acidental.

Em nota, a prefeitura da cidade lamentou o acidente. "Neste momento de dor e consternação, a Prefeitura de Formosa do Rio Preto, se solidariza aos familiares e amigos das vítimas rogando a Deus que dê força e amparo a todos", diz o texto.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas