Dandara Gusmão volta aos palcos com 'Pretato' após polêmica

salvador
11.09.2019, 05:30:00
Último ensaio antes da apresentação aconteceu nesta terça-feira (10) (Foto: Betto Jr/ CORREIO)

Dandara Gusmão volta aos palcos com 'Pretato' após polêmica

Em junho, grupo acusou outra montagem de racismo

Foi no pequeno espaço entre o muro da Escola de Teatro da Ufba e a Avenida Araújo Pinho, no Canela, que o grupo Dandara Gusmão fez o último ensaio do espetáculo Pretato, antes da estreia no  Teatro Martim Gonçalves, da própria faculdade, nesta quinta-feira (12). Desde 2017, a peça é encenada na calçada, por conta de uma polêmica envolvendo os atores do grupo e a direção da escola. 

Racismo, feminismo e assédio serão alguns dos temas trabalhados e que serão discutidos na apresentação desta quinta, que é gratuita e começa às 19h. A montagem  é composta por cenas independentes, diálogos curtos e poemas. 

Segundo os organizadores, a peça foi proibida de ser encenada dentro do teatro porque estava atraindo “público demais”. O grupo foi acusado de provocar desordem. Desde então, todas as terças-feiras, a montagem acontece na calçada da instituição . 

Os atores  começaram os ensaio com lonas pretas no fundo, algumas cordas e a iluminação era a dos postes do entorno. Agora, têm um piso mais adequado, iluminação própria e bancos para o público. Tudo parece bastante improvisado, e realmente é, porque eles insistem em resistir. 

“A ideia do espetáculo é destacar o protagonismo negro. Podemos ter atores brancos em cena, isso não é problema, mas tem que ficar claro que esse espaço é para os talentos negros. Por isso, o nome Pretato”, explicou um dos organizadores, que pediu para não ter a identidade divulgada. “Queremos que o Dandara Gusmão seja o destaque, para evitar que as nossas imagens sejam personalizadas”, explicou. 

A possibilidade de encenar Pretato no palco principal é vista pelos integrantes como uma conquista, mas não representa o fim da polêmica. “Muitas pessoas acham que nós voltamos para dentro do teatro, mas não. Essa quinta-feira será uma ação específica”. 

A apresentação desta quinta-feira acontece um dia antes do início da Virada Cultura, evento da Escola de Teatro da Ufba com 24 horas  de apresentações. Ele começará às 23h59 da próxima sexta e terminará às 23h59 do sábado. A entrada é gratuita. 

Os integrantes do Dandara Gusmão contaram que conversaram com os organizadores do evento e que eles cederam o espaço para a apresentação. A volta do grupo ao  Martim Gonçalves acontece três meses depois da polêmica envolvendo a apresentação de outra peça no mesmo espaço. 

Em junho, os atores do coletivo, interromperam o espetáculo Sob as Tetas da Loba, que estava acontecendo no teatro, acusando a montagem de racismo. O caso dividiu a opinião de estudantes e professores, e provocou um debate acirrando na universidade

Uma das consequências foi a formação de um grupo de estudos formado por professores, representantes dos alunos, dos técnicos e da sociedade civil para discutir as questões raciais que envolvem a universidade, em especial a Escola de Teatro.

O grupo está operando desde agosto, e realiza reuniões a cada 15 dias. As principais ideias e sugestões serão compiladas em uma carta que será entregue à reitoria da universidade em 20 de novembro, como uma celebração pelo Dia Nacional da Consciência Negra. 

Na próxima semana, o Pretato volta à calçada, nas terças, às 19h. 
 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-juice-wrld-morre-aos-21-anos-nos-estados-unidos/
Ele sofreu convulsão no aeroporto; artistas lamentam
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/fotografa-faz-ensaios-para-negros-a-preco-acessivel-no-reconcavo/
Ellen Katarine também é trancista, dreadmaker e estudante de História na UFRB
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/thiaguinho-chora-ao-cantar-musica-que-escreveu-para-fernanda-souza-veja/
Cantor começou a se emocionar durante a canção 'Deixa Tudo Como Está'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dancarino-morre-e-outras-duas-pessoas-ficam-feridas-em-ataque-de-faccao/
Três homens e uma mulher em um carro atiraram contra moradores em São João do Cabrito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jovem-se-finge-de-gato-e-mia-embaixo-da-cama-para-nao-ser-achado-por-policiais/
Ele é suspeito de ter participado de um latrocínio em Fortaleza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/do-cordel-a-escultura-leitores-fazem-homenagens-para-correio/