Danilo Fernandes e Matheus Bahia prestam depoimento sobre ataque ao ônibus

e.c. bahia
03.03.2022, 18:23:00
Goleiro Danilo Fernandes vai passar por procedimento médico no olho nesta sexta-feira (Foto: Felipe Santana/EC Bahia)

Danilo Fernandes e Matheus Bahia prestam depoimento sobre ataque ao ônibus

Jogadores ficaram feridos em atentado contra o Bahia

Vítimas do ataque contra o ônibus do Bahia, o goleiro Danilo Fernandes e o lateral esquerdo Matheus Bahia estiveram na 6ª delegacia de Brotas, na manhã desta quinta-feira (3), e prestaram depoimento sobre o caso. 

A dupla foi ouvida pela delegada Francineide Moura, que investiga o atentado contra o tricolor. Danilo Fernandes foi quem mais se feriu. O jogador foi atingido por estilhaços após a explosão e sofreu cortes no pescoço, rosto, braços e pernas. 

Danilo chegou a passar a noite internado e nesta sexta-feira será submetido a um procedimento médico no olho. Ao todo, o goleiro recebeu 20 pontos pelo corpo. Ele ainda se recupera e não tem previsão de retorno aos treinos. Já Matheus Bahia teve ferimentos leves. 

A Polícia segue investigando o caso e ouvindo possíveis envolvidos. Na semana passada, foi concluído que os carros usados no ataque ao tricolor pertencem a membros da torcida organizada Bamor. Um deles, é do presidente do grupo, Half Silva. 

Half prestou depoimento na última sexta-feira (28). De acordo com o advogado, ele alega que estava em Feira de Santana, acompanhando o jogo entre Bahia de Feira e Coritiba, no dia do ataque. O carro dele teria ficado na sede da Bamor e foi usado por alguém. No mesmo dia, outros dois integrantes se apresentaram na delegacia e foram ouvidos. 

Até o momento, a polícia já ouviu sete suspeitos de participação no crime. A delegada ainda aguarda o resultado da perícia no ônibus do Bahia.

Ataque
O veículo que levava a delegação do Bahia foi atingido, na Avenida Bonocô, quando chegava na Arena Fonte Nova para jogo da Copa do Nordeste contra a equipe do Sampaio Corrêa. Na ação criminosa, o goleiro Danilo Fernandes e o lateral esquerdo Matheus Bahia ficaram feridos. Ao que se sabe, três bombas foram lançadas em direção ao veículo. 

Um carro que transitava ao lado do ônibus tricolor, na altura do último viaduto da Av. Bonocô, dirigido por uma mulher, também acabou atingido pela explosão. Por sorte ela não teve ferimentos graves, veículo sofreu danos e ficou sem o vidro traseiro do lado esquerdo.

Essa não é a primeira vez que o elenco tricolor sofre algum tipo de ameaça este ano. Em janeiro, membros da torcida organizada Bamor invadiram o CT Evaristo de Macedo para cobrar dos jogadores, comissão técnica e diretoria. Como eles não estavam autorizados a entrar, a diretoria chegou a registrar Boletim de Ocorrência.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas