Desafio Acelere[se] mostra potencial baiano para criar novos negócios

agenda bahia
19.11.2018, 06:00:00
Fotos de Arisson Marinho/CORREIO (Os representantes das startups participantes do Acelere[se] fizeram um pitch no Agenda Bahia)

Desafio Acelere[se] mostra potencial baiano para criar novos negócios

Empreendedores de sete startups passaram por programa de mentorias

Sete negócios, sete ideias diferentes, sete soluções para problemas do cotidiano. As startups participantes do Desafio de Inovação Acelere[se], iniciativa do jornal CORREIO e da aceleradora Rede+, retratam uma outra Bahia bem diferente daquela mais conhecida através da música ou da literatura: uma Bahia inovadora, cheia de garra e criatividade.

Realizado como parte da programação de 2018 do Fórum Agenda Bahia e com duração de 12 semanas (três meses, de 03 de agosto a 07 de novembro), o Acelere[se] é considerado um divisor de águas no ecossistema baiano de inovação por revelar o potencial do Estado para crescer apostando nas startups, empresas de base tecnológica e estrutura mais leve do que as companhias tradicionais.

“As 12 semanas do Acelere[se] foram muitos positivas. O programa se mostrou um sucesso e conseguimos movimentar o ecossistema da Bahia, incentivar e inspirar pessoas através de bons exemplos e cases. Mas, principalmente, transformamos os negócios e empreendedores participantes, impactando-os positivamente. Foram 48 horas de conteúdos de extrema qualidade, mentorias quinzenais e acompanhamento das estratégias”, enumera o empresário Rodrigo Paolilo, CEO da Rede+.

Jurados do Desafio Acelere[se]: Camila Passos, do Sebrae, Christiana Arcangeli, empresária, e Roberto Gazzi, do CORREIO

Pitches

No encerramento do programa e do Fórum Agenda Bahia 2018, no dia 07, os sete empresários remanescentes do Acelere[se] – ao todo o programa começou com oito startups, mas uma não concluiu porque sua base operacional mudou para São Paulo – apresentaram a evolução de suas empresas em formato de pitches, no seminário Humanize[se]

Segundo Paolilo, as empresas conseguiram fazer “excelentes apresentações, surpreendendo e tendo resultados muito bons do ponto de vista de avanço de negócio”. O sucesso dos pitches foi tão grande que a empresária, investidora e apresentadora do Shark Tank Brasil, Cristiana Arcangeli, jurada do Desafio, comentou que foi um dos melhores pitches que ela viu no ano. “Ela disse que os negócios têm um super potencial. Certamente os empreendedores vão avançar e entregar muita coisa boa para nosso ecossistema e inspirar mais pessoas”, acredita o CEO da Rede+.

O vocabulário das startups

Startup - Nome dado às empresas recém-criadas que têm foco em inovação e na solução de problemas. Geralmente, são empresas de forte base tecnológica.

Coworking - É um espaço de trabalho coletivo, que é compartilhado por profissionais de áreas e negócios distintos, para incentivar a troca de ideias e experiências. O Hub Salvador, que funciona no bairro do Comércio, é um coworking criado em uma PPP (Parceria Público Privada) da Prefeitura de Salvador com empresas privadas.

Incubadora -  Nome das empresas ou entidades privadas ou públicas que oferecem a  infraestrutura e os recursos técnicos para que novas startups consigam desenvolver suas ideias e projetos.

Aceleradora - Empresa ou entidade que acelera o crescimento das startups com mentorias, cursos e oficinas.

Pitch - Apresentação breve - em médio três a cinco minutos - da startup para investidores em potencial. Esse é o momento em que a startup tenta convencer de que vale a pena investir no negócio.

Venture Capital - É o capital de risco, um  investimento feito em empresas muito jovens e que apresentam alto potencial de crescimento.

Estratégias acertadas

Acelerar startups não é fácil, mas a equipe da Rede+ gosta de desafios. Rodrigo Paolilo cita que, para a maioria das startups, os principais entraves estão na formação das equipes, em acertar as estratégias de marketing e vendas e ter um produto inovador no mercado. As participantes do Acelere[se] tiveram ajuda para vencer todas essas etapas.

 “Focamos em fortalecer os times e acertar no alvo nas estratégias de marketing e vendas, que é o que faz de fato o negócio ser escalável. Dinheiro também se torna um desafio, que é o acesso ao capital. Trabalhamos bastante com eles também as formas de achar os melhores caminhos para o crescimento”.

Três das sete startups foram as vencedoras do Desafio Acelere[se]: Closet, Evex – Eventos Experience e N2 Soluções. As três receberam como prêmios assinaturas digitais do CORREIO e, da Rede+, suporte para se prepararem para captar recursos, sejam privados ou de outras fontes, incluindo o investimento anjo. “Vamos continuar apoiando essas empresas no ajuste de modelo de negócios e estratégias de crescimento e aceleração, mas com foco em ter os recursos para fazer isso acontecer”, afirma Paolilo.

O vocabulário das startups

Businnes Plan - É o plano de negócios da startup. Nele, a empresa delimita o seu modelo de negócio.

Hurdle Rate -  Taxa mínima de retorno que o investidor espera ao aportar recursos em uma startup.

Pivotar -  A pivotagem acontece quando uma startup decide mudar o seu plano de negócios depois de ter testado uma estratégia e não ter obtido os resultados esperados. Pivotaro negócio significa   mudar de estratégia depois de perceber que a empresa estava no caminho errado.

MVP - (Minimum Viable Product - Produto com Mínima Viabilidade) é o  coeficiente mínimo de que o produto lançado pela startup é viável. A empresa pode adotar testes para demonstrar o quanto um projeto será possível em  implantação e comercialização.
Investidor Anjo -  Empreendedor com capital acumulado para investir em novos negócios. Também oferece sua experiência, contatos e conhecimento para apoiar a startup.

Unicórnio - Startup avaliada em mais de US$ 1 bilhão.

O que é que os baianos têm

Para Fábio Gois, gerente de Marketing, Projetos e Mídias Digitais do CORREIO, o Acelere[se] contribuiu principalmente para dar luz às iniciativas baianas e para “mostrar o que é da nossa terra e tem potencial enorme de crescer para todo o país. Somos um povo empreendedor e extremamente criativo”, acrescenta Fábio.

Segundo ele, o programa de aceleração do CORREIO e Rede+ foi um sucesso. “Pude observar a evolução dos participantes e o que mais me encantou foi ver o entusiasmo das equipes e o sentimento de querer seguir aperfeiçoando os negócios. Esse clima contagia o ecossistema que se fortalece. Espero poder ver muitos frutos das startups baianas”, completou.

Cristiana Arcangeli ficou impressionada com qualidade das apresentações das startups baianas

Gois ainda lembrou que o Fórum Agenda Bahia tem como propósito gerar um ambiente que promova o desenvolvimento social e econômico do estado e que o Desafio Acelere[se], como um dos legados do Agenda Bahia, fomentou o ecossistema de inovação e startups local. 

“Por isso decidimos investir em um programa de aceleração oferecendo mentorias, trocas de experiências e, principalmente, visibilidade para toda a sociedade baiana através das mídias do CORREIO e da Rede Bahia. Para mostrar como é importante e possível se investir em novos negócios localmente”.

Já Roberto Gazzi, diretor de Jornalismo e Mídias Digitais do CORREIO, lembrou que o objetivo da empresa com o Fórum Agenda Bahia é ampliar a consciência dos baianos para duas das principais agendas da atualidade: tecnologia e empreendedorismo. 

“Com o Acelere[se], buscamos, como no hackathon de 2017, deixar um legado para Salvador e a Bahia”, citou, recordando o desafio criativo que o CORREIO e a Rede+ promoveram no Agenda Bahia de 2017 e que resultou em 10 propostas de soluções tecnológicas para resolver problemas do Centro Histórico de Salvador.

Para o diretor, os resultados do Acelere[se] deram visibilidade a “excelentes iniciativas, que foram expostas à sociedade, se desenvolveram durante o programa e expuseram sete projetos de forma muito profissional. Esperamos que se desenvolvam ainda mais a partir de agora e tragam muito sucesso aos seus criadores e benefícios à sociedade baiana, objetivo do Agenda Bahia”, afirmou.

O Acelere[se] é um oferecimento do Fórum Agenda Bahia, com realização do CORREIO e da aceleradora de startups Rede+, patrocínio da Braskem, apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador e Rede Bahia e apoio do Sebrae.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/conheca-revelacao-do-sertanejo-que-e-considerada-a-nova-marilia-mendonca/
Maria Clara já fez parcerias com artistas como Aldair Playboy, Gabriel Diniz e Jonas Esticado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mente-sa-corpo-sao/
Práticas integrativas, alternativas e complementares à medicina tradicional auxiliam na prevenção e tratamento de doenças
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/filho-de-pm-e-morto-apos-discussao-por-conta-de-bar-em-feira-veja-video/
Estudante de Direito, vítima trabalhava há três anos como segurança
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/time-sub-23-do-vitoria-se-apresenta-na-toca-para-disputar-baianao/
Equipe tem velhos conhecidos como Caíque, Cedric, Nickson e atacante Luan
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/vale-a-pena-investir-na-toyota-hilux-flex/
Confira um vídeo que analisa a versão bicombustível da picape média mais vendida
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/filipina-e-escolhida-como-miss-universo-2018-veja-fotos/
Coroação aconteceu na madrugada deste domingo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-como-foi-a-vitoria-do-lyon-sobre-o-monaco-pelo-frances/
Em parceria com DAZN, CORREIO transmitiu duelo da 18ª rodada
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/em-entrevista-carolina-dieckmann-diz-que-ja-beijou-mulher/
Ela também disse que nunca usou botox e que se acha mais bonita hoje do que quando mais nova
Ler Mais