Dois corpos são encontrados após barco virar em barragem de Mata de São João

bahia
02.01.2020, 17:03:00
Atualizado: 02.01.2020, 17:03:46

Dois corpos são encontrados após barco virar em barragem de Mata de São João

Vítimas participavam de uma confraternização quando o acidente aconteceu

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Duas pessoas morreram depois que a embarcação em que elas estavam virou na Barragem de Santa Helena, em Mata de São João, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). O acidente aconteceu na tarde desta quarta-feira (1º), mas os corpos foram encontrados na manhã desta quinta-feira (2).

O titular da delegacia de Mata de São João, Euvaldo Costa, contou que havia sete pessoas no barco no momento do acidente. Era por volta das 15h30, e todos estavam confraternizando quando a embarcação virou. Cinco dos amigos conseguiram escapar, mas dois desapareceram.

“No local não há pedras nem correnteza, então, acreditamos que o acidente foi provocado por conta da deterioração da embarcação mesmo. Era um barco pequeno, parecido mais com uma canoa. Os bombeiros foram acionados logo após o acidente, mas tiveram que suspender as buscas durante a noite”, contou.

Os corpos foram encontrados na manhã desta quinta, por moradores. As vítimas foram identificadas como Antônio Roque Teixeira de Souza, 42 anos, e Geane Lima Nascimento Souza, 35 anos. Os dois moravam em Pojuca, também na RMS. A polícia informou que não há parentesco entre eles, mas que todos que estavam no barco eram amigos.

Ainda não há informações sobre o horário e o local dos sepultamentos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas