Dois frentistas morrem após serem baleados por PM de folga no Nordeste da Bahia

bahia
18.04.2022, 16:34:00
(Reprodução/TV Subaé)

Dois frentistas morrem após serem baleados por PM de folga no Nordeste da Bahia

Vítimas deram carona a militar após sair de bar na última quinta-feira (14)

Um cabo da Polícia Militar foi preso, na última quinta-feira (14), após balear dois frentistas em Conceição do Coité, no nordeste baiano. Manoel Pires Pereira, de 56 anos, e Maurício Alves foram atingidos após terem dado carona ao PM na saída de um bar. Maurício morreu no local, já Manoel passou três dias internado no Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA) em Feira de Santana e faleceu no domingo (17). A dupla trabalhava em um posto de combustíveis no município.

Manoel Pires, conhecido como Manezinho, conseguiu correr após ser baleado, ao menos, quatro vezes e foi levado, ainda consciente, para a Unidade Regional de Coité do Hospital Português. No entanto, o estado de saúde do frentista se agravou e ele foi transferido para o hospital Cleriston Andrade, onde passou por cirurgia, mas acabou não resistindo aos ferimentos. As informações são do G1.

De acordo com testemunhas, Manoel e Maurício estavam em um bar cerca de duas horas antes de serem baleados. Eles teriam dado carona para o policial militar suspeito do crime que também estava no bar. Não há informações sobre a motivação o crime.

Segundo a Polícia Civil, o cabo da PM foi apresentado na delegacia, por uma guarnição da Polícia Militar, suspeito de um homicídio e uma tentativa - já que Manoel ainda estava vivo. A prisão em flagrante foi convertida em prisão preventiva. O homem segue detido e está à disposição da Justiça. O crime está sendo investigado.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas