Em cinco horas, PM interrompe três tentativas de enviar drogas à penitenciária

salvador
17.04.2021, 13:00:00

Em cinco horas, PM interrompe três tentativas de enviar drogas à penitenciária

Cinco suspeitos de envolvimento em uma das ações foram conduzidos à Central de Flagrantes

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Em apenas cinco horas, a Polícia Militar identificou três tentativas de envio de materiais ilícitos para o Complexo Penitenciário Lemos Brito, no bairro de Mata Escura, em Salvador, na última sexta-feira (17). De acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Estado (SSP-BA), o Batalhão de Guardas (BG) conseguiu frustrar os três arremessos. 

Assim, fora apreendidos quilos de maconha prensada. Cinco suspeitos de envolvimento em uma das ações foram conduzidos para a Central de Flagrantes.

A primeira tentativa foi por volta das 4h. Na ocasião, policiais perceberam uma movimentação suspeita. Foi quando as equipes avistaram um grupo tentando lançar sacolas para dentro do presídio. Nessa ocorrência, foram apreendidas seis sacolas com drogas, bebidas alcoólicas, alimentos e outros materiais.

Suspeitos tentavam lançar sacolas para dentro do presídio (Foto: Divulgação SSP)

Horas depois, às 8h20, os policiais que estavam em uma das guaritas do complexo perceberam a presença de seis pessoas nos arredores da unidade. Elas também estavam com sacolas. Os policiais acionaram outros integrantes do BG e, juntos, prenderam cinco envolvidos na ação.

Com eles foram encontrados drogas, panelas, alimentos, dentre outros itens. O grupo foi apresentado na Central de Flagrantes. O sexto suspeito, contudo, conseguiu fugir. 

Por fim, a última apreensão do dia aconteceu por volta das 9h30, quando policiais da Companhia de Intervenção Prisional (Cirp) faziam buscas nas áreas de mata do complexo. Nas varreduras, encontraram sete tabletes de maconha.  Em seguida, localizaram seis sacolas (cada uma pesando cerca de 20 quilos) com bebidas alcoólicas e alimentos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas