Em depoimento à PF, empresário diz que pagou R$ 9,5 mil para reforma de escritório de Renan Bolsonaro

brasil
13.05.2022, 18:31:43
(Reprodução)

Em depoimento à PF, empresário diz que pagou R$ 9,5 mil para reforma de escritório de Renan Bolsonaro

Dinheiro foi usado na reforma de sala

O empresário Luís Felipe Belmonte afirmou à Polícia Federal que pagou R$ 9,5 mil para reformar o escritório de Jair Renan Bolsonaro, filho 04 do presidente.

Em depoimento, Belmonte diz que foi o próprio Jair Renan e o parceiro comercial dele, Allan Lucena, que pediram uma contribuição financeira para melhorar a sala comercial. A PF apura se o filho de Jair Bolsonaro atuou junto ao governo federal em benefício da própria empresa. O depoimento foi revelado nesta sexta-feira (13) pelo jornal "O Globo".

A PF tenta esclarecer as circunstâncias em que Jair Renan conseguiu a ajuda de empresários para financiar a montagem de um escritório dentro do estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Aos investigadores, o empresário afirmou que não pediu nem recebeu contrapartida de Jair Renan pela doação na reforma do escritório.

Belmonte afirmou não ter nenhum negócio com o poder público e que o fato de Jair Renan ser filho do presidente da República é "irrelevante". O empresário foi um dos principais financiadores e organizadores do Aliança Brasil, partido que Bolsonaro pretendia criar, mas que não teve a autorização do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para ser criado.

No último dia 7 de abril, Jair Renan Bolsonaro depôs durante três horas à Polícia Federal acompanhado do advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef.

Segundo Wassef, Jair Renan nunca recebeu qualquer vantagem indevida e nem atuou a favor de nenhuma empresa junto ao governo federal.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas