Em três dias, polícia apreende 2 toneladas de maconha em Iraquara

bahia
02.07.2019, 12:01:00
Atualizado: 02.07.2019, 12:01:38
(Foto: Divulgação/SSP-BA)

Em três dias, polícia apreende 2 toneladas de maconha em Iraquara

O caso foi registrado na Delegacia de Seabra

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Duas toneladas de maconha foram apreendidas na cidade de Iraquara, na Bahia, nos últimos dois dias. A cidade entrou no radar da polícia novamente porque, na manhã de segunda-feira (1), uma plantação com pouco mais de 1 tonelada da droga foi encontrada no distrito de Caatinguinha, zona rural da cidade. O caso foi registrado na Delegacia de Seabra. Até o momento, nenhum criminoso foi encontrado.

Após denúncias, uma ação conjunta das equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado do Semiárido (Cipe/Semiárido), da 42ª Companhia Independente de Policiamento Militar (42ª CIPM) e dos efetivos de Iraquara e Souto Soares realizaram uma varredura no local e localizaram seis roças de maconha com aproximadamente 220 mil pés.   

Foto: Divulgação/SSP-BA


Com a ajuda de um trator, a polícia retirou os pés da droga para serem queimados. Foram apreendidas também as ferramentas utilizadas para o cultivo da erva.

No último dia 29, a polícia localizou uma outra plantação com 250 mil pés. Além da plantação, mais 72 kg da droga colhidas e 40 kg prensados foram encontrados armazenados em uma dependência do imóvel. No flagrante, um traficante reagiu e acabou não resistindo ao confronto.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas