Erick faz acordo e 'alivia' o Vitória

bate-pronto
15.07.2019, 05:00:00

Erick faz acordo e 'alivia' o Vitória

Por Editoria de Esporte

De volta ao Sporting Braga, de Portugal, o atacante Erick entrou em acordo para não colocar o Vitória na Justiça do Trabalho. O Leão parcelou a dívida que tem com o jogador e vai pagar os valores nos próximos meses. A atitude dá uma aliviada na situação do clube, que tem sido cobrado na Justiça por ex-jogadores e ex-treinadores. 

Erick foi contratado pelo Vitória no ano passado, durante a gestão de Ricardo David, e estava afastado do elenco desde abril, quando o clube foi eliminado na primeira fase do Campeonato Baiano. O contrato dele com o Leão se encerrou no final do mês de junho e ele voltou para o time europeu, com o qual tem vínculo. No Vitória, Erick fez 32 jogos e marcou três gols. O destino do jogador no segundo semestre será o Gil Vicente, por empréstimo.

Leão reajusta Sócio Bronze

Depois de reajustar os valores dos planos de sócios, o Vitória precisou voltar atrás na categoria Bronze. Como reduziu o desconto na compra do ingresso de 70% para 30%, o torcedor desta modalidade acabaria pagando R$ 42 na entrada de arquibancada e R$ 70 na cadeira, mais do que o “torcedor comum”, que paga R$ 30 e R$ 60, respectivamente. Ao perceber o erro, o Leão mudou os valores para R$ 21 arquibancada e R$ 35 cadeira.

Kappa ou Topper?

Apesar de ter oficializado a Kappa como fornecedora de material esportivo desde 30 de maio, o Vitória voltou a vacilar. Na última quinta, quando divulgou um card do jogo contra o Grêmio, pelo Brasileiro de Aspirantes, o jogador Bruno Bispo, escolhido para a peça, estava com uma camisa da Topper, antiga fornecedora.

Dinamarca, o novo filão

Um novo e inusitado mercado foi aberto pelos clubes e empresários baianos: a Dinamarca. Neste ano, o atacante Rafaelson, ex-Vitória, o volante Edson, do Olímpia, e o trio Luís Fernando, Paulinho e Júnior Brumado, todos do Bahia, foram para a Escandinávia. Os três primeiros estão no Naestved, da 2ª divisão, e os outros no Midtjylland, da 1ª. O país é visto com potencial para lucros futuros em vendas para ligas mais fortes na Europa.

Cruzeiro inova com patrocínio no futebol feminino

Na esteira do crescimento do futebol feminino no país, o Cruzeiro anunciou uma novidade pioneira. O clube mineiro agora tem um patrocinador exclusivo para o time feminino. É o Frigorífico Saudali, especializado em suínos, que vai estampar a marca da empresa na camisa celeste. Ficará no peito, espaço máster que é ocupado pelo Banco Renner (Digi+) na equipe masculina. O contrato é válido até 31 de dezembro.

O time feminino do Cruzeiro foi criado nesta temporada e está nas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série A-2 contra o Ceará. É a última etapa antes do acesso à primeira divisão.

Unirb lança graduação em futebol 

O Centro Universitário Unirb lançou um curso de graduação em futebol, cujo vestibular (gratuito) será no sábado. O curso tem titulação tecnológica, duração de três anos e será ministrado na unidade de Salvador. O coordenador é Laelson Lopes, ex-técnico da dupla Ba-Vi. Detalhes no site da Unirb.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas