Estátua de Ariano Suassuna é alvo de vandalismo no Centro do Recife

em alta
21.09.2020, 13:14:55
Atualizado: 21.09.2020, 13:38:03
(Beto DLC/JC Imagem)

Estátua de Ariano Suassuna é alvo de vandalismo no Centro do Recife

Obra integra o Circuito da Poesia da capital pernambucana desde 2017

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A escultura do escritor Ariano Suassuna, que fica na Rua da Aurora, no Centro do Recife, foi alvo de vandalismo na madrugada desta segunda-feira (21). A obra, que mede 1,80m, é assinada pelo artista plástico Demétrio Albuquerque e integra o Circuito da Poesia da capital pernambucana desde 2017. Quem passa pelo local pode observar que a estátua foi derrubada e se encontra com os pés e as pernas quebradas.

O Circuito da Poesia contempla esculturas em tamanho real, que homenageia artistas da música e da literatura. Além de Suassuna, o projeto possui estátuas de Clarice Lispector, João Cabral de Melo Neto e Manuel Bandeira.

A obra em homenagem ao escritor paraibano foi colocada em frente ao Teatro do Arraial, inaugurado por Ariano em 1997 e que, desde 2004, leva o seu nome.

Matéria originalmente publicada no JC


 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas