Ex-PM atira em cachorro de vizinho após animal invadir sua chácara

em alta
04.07.2022, 22:00:00
(Divulgação/Polícia Militar)

Ex-PM atira em cachorro de vizinho após animal invadir sua chácara

Suspeito é um idoso de 70 anos aposentado

Um ex-policial militar foi preso na manhã do último domingo, 3, após balear o cachorro de um vizinho. O caso foi registrado no município de Piracicaba, em São Paulo. Em depoimento à Polícia, o autor do disparo alegou que, diversas vezes, os animais do vizinho invadiam sua chácara e machucavam seus cachorros. O animal baleado foi socorrido em estado grave e deve passar por cirurgia.

O caso aconteceu por volta das 7h, em uma área rural do município. O suspeito é um idoso de 70 anos aposentado da Polícia Militar. Segundo informações do portal G1, ele informou às autoridades que, no domingo, os animais do vizinho entraram em sua chácara pelos fundos e que acordou com o barulho dos cachorros gritando. Após os cães do vizinho voltarem para casa, ele os seguiu e efetuou o disparo em um dos animais.

O idoso entregou a arma, onze munições de calibre 38, além caixa contendo mais 50 munições aos policiais. Ele, no entanto, não apresentou documentos de regularização dos materiais. O homem alegou que foi policial militar até 1989 e que nunca mais foi regularizar a arma. Ele foi preso em flagrante, sem direito à fiança, por prática de ato de abuso a animais e posse irregular de arma de fogo.

O cão baleado, um pastor bela malinois, foi ferido no pescoço. Ele foi levado em estado grave, com um alto nível de sangramento, ao Núcleo de Bem Estar Animal da Prefeitura Municipal de Piracicaba. Segundo o órgão, a suspeita é de que a bala tenha atingido alguma veia ou artéria principal. O cachorro deve passar por cirurgia.

A matéria foi originalmente publicada no Jornal O Povo.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas