Faça da sua uma varanda gourmet

minha bahia
17.05.2018, 06:00:00

Faça da sua uma varanda gourmet

Espaço é o mais adequado para receber amigos e família em clima de descontração; confira dicas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A varanda gourmet é o espaço ideal para receber amigos e família, combinando um bom papo com gastronomia. (Projeto Cynthia Pitangueira / Foto Lucas Silva)



Com opções de varandas cada vez maiores nos imóveis, transformar a área em um espaço aconchegante para receber amigos e família, se tornou quase que obrigatório. E a ideia de somar o bom papo e a descontração com gastronomia deu a luz ao conceito da varanda gourmet, cuja composição vai muito além da decoração. O CORREIO conversou com especialistas para saber o que pode e o que não pode faltar na hora de ‘gourmetizar’ a sua varanda. 

Quando pensamos em varanda gourmet as palavras de ordem devem ser “compartilhamento” e “integração”, é o que diz a arquiteta e designer de interiores Cynthia Pitangueira. E a pedra fundamental para criar esse ambiente é uma mesa ou bancada. “Gourmet lembra culinária, e nada mais certo do que uma bancada para reunir os visitantes e servir comida e bebidas”, explica. O tamanho da bancada deve variar de acordo com o espaço disponível, e a composição do ambiente pode ser montada ao redor da bancada, como forma de aproximar as pessoas presentes, diz Cynthia. Caso o cômodo comporte, armários são aliados para evitar o vai e vem da busca em ingredientes na cozinha.

"Quando pensamos em varanda gourmet as palavras de ordem devem ser 'compartilhamento' e 'integração' - Cynthia Pitangueira, arquiteta.

O local também deve ter diferentes saídas de energia para a instalação de eletrodomésticos, como cervejeiras elétricas, adegas, cooktops ou churrasqueiras. Porém, o arquiteto Christiano Ruvenal tem ressalvas em relação à última peça. “Normalmente recomendo um cooktop, com uma coifa, para diminuir a influência dos aromas sobre os móveis”, diz. “A churrasqueira apresenta desvantagem por conta da fumaça. O sofá ou os tecidos da sala acabarem pegando o odor”. 
Papéis de parede, revestimentos porosos e mesmo tonalidades claras de pintura também podem absorver fuligem e gordura emanadas pela churrasqueira, por isso, defende, não é um equipamento fundamental.

No clima
Por ser uma área aberta, e portanto suscetível às variações climáticas, o envidraçamento da varanda pode ser uma boa alternativa para proteger os visitantes. O cuidado com água nas superfícies também deve ser considerado, priorizando tampos com revestimento.

Um ponto não menos importante para a composição da sua varanda gourmet é a iluminação. Para Cynthia, uma boa estratégia é instalar diversas pontos de luz, assim a iluminação pode ser escolhida de acordo com a ocasião. “O bom dessa pluralidade é que se você quiser criar um clima mais intimista é só colocar a iluminação tipo penumbra, mas se a ocasião for uma reunião com muitas pessoas é possível criar um clima mais iluminado”, argumenta a arquiteta.

Equipamentos Essenciais
 

Cooktop Diferente do fogão, o cooktop não conta com forno. Compacto e prático pode ser a opção ideal para a varanda gourmet. Com versões a gás e elétrico é encontrado com preços entre R$ 400 e R$ 5 mil.


Sofá Ótimo para áreas externas o sofá de dois lugares com estrutura em madeira, dá um ar aconchegante e natural à composição do ambiente. A partir de R$ 1,9 mil na Tok&Stok.


Porta Garrafas
Prático e compacto, a peça é perfeita para comportar garrafas de vinho. Com preços mais acessíveis do que as adegas climatizadas é uma boa opção para a varanda. R$ 182 na Tok&Stok. 


Mesa
Modelo de tampo redondo em madeira, não ocupa muito espaço e pode encaixar bem tanto em varandas maiores como menores. R$ 1.750, na Tok&Stok.


Cervejeira
O eletro que virou tendência na hora de receber os amigos em casa e servir uma cerveja gelada está disponível em diversos modelos, de  R$ 1,5 mil a R$ 6 mil.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas