Famílias que tiveram casas destelhadas em Nova Brasília de Itapuã receberão auxílio

salvador
23.01.2020, 18:09:00
Atualizado: 23.01.2020, 18:13:50
(Betto Júnior/Secom)

Famílias que tiveram casas destelhadas em Nova Brasília de Itapuã receberão auxílio

Prefeitura dará até 3 salários mínimos para moradores prejudicados

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Cerca de 100 famílias de Nova Brasília de Itapuã, que tiveram suas casas destelhadas por conta das fortes chuvas e do vendaval que atingiram Salvador nesta quarta-feira (22), receberão auxílio emergência da Prefeitura no valor de até três salários mínimos.

A liberação foi anunciada nesta quinta (23) pelo vice-prefeito e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Bruno Reis. Ele acompanhou a vistoria técnica dos imóveis prejudicados e conversou com os moradores da localidade.

De acordo com Bruno Reis, as casas atingidas serão cadastradas e os moradores poderão receber o benefício. “Estamos com toda a nossa equipe mobilizada desde ontem. Graças a Deus e ao nosso trabalho, não tivemos vítimas. Agora, vamos indenizar essas famílias com o auxílio emergência, para que possam recuperar as suas casas e readquirir seus bens móveis”, garantiu.

O diretor-geral da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Sosthenes Macêdo, informou que assim que assim que foram informados sobre o destelhamento de casas e da possibilidade de ruptura de uma das edificações, a equipe foi ao local. "Coordenamos os trabalhos com a Prefeitura-Bairro, Secretaria de Combate à Pobreza, Limpurb e demais órgãos do sistema municipal de Defesa Civil, para dar uma resposta o mais breve possível à comunidade”, disse.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas