Fecha a conta: Bahia encerra 2019 de olho em recordes do clube

e.c. bahia
08.12.2019, 05:00:00
Gilberto já marcou 14 gols na Série A (Felipe Oliveira / EC Bahia)

Fecha a conta: Bahia encerra 2019 de olho em recordes do clube

Tricolor visita o Fortaleza e pode cravar a sua melhor campanha na Série A

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Bahia terminará a Série A sem a vaga na Libertadores tão sonhada pela torcida e que esteve ao alcance do clube ao longo da temporada. Mas, ainda assim, há uma marca pela qual lutar nesta última rodada da competição: a de estabelecer a melhor campanha tricolor na era dos pontos corridos do Brasileirão.

Para tanto, o Bahia precisa vencer o Fortaleza neste domingo (8), no Castelão, a partir das 16h. O jogo na capital cearense será de festa: os 50 mil ingressos colocados à venda para a torcida mandante foram esgotados no sábado. Para os baianos, a venda acontecerá pouco antes do início da partida.

A equipe cearense comemora uma campanha extraordinária em seu primeiro ano na Série A desde 2006. Até agora, tem 50 pontos e vaga garantida na Sul-Americana, primeira competição internacional da história do clube. O Fortaleza está em 9º lugar. 

Curiosamente, essa campanha do Fortaleza já igualou a pontuação da melhor campanha do Bahia na Série A dos pontos corridos – formato iniciado em 2003. Foi em 2017, quando o Esquadrão estava de volta à elite após duas temporadas, e acabou o ano em 12º lugar com 50 pontos.

A campanha de 2017 foi a melhor em termos de pontuação. Porém, se for considerada a posição final na tabela, a melhor campanha foi a do ano passado, quando terminou em 11º lugar com 48 pontos.

De qualquer forma, o Bahia tem condições de bater hoje a melhor campanha, em pontuação e na colocação final. Se vencer o Fortaleza, chega a 52 pontos e automaticamente ultrapassa o adversário, indo no mínimo para 10º lugar. Se tiver sorte, ainda ultrapassa o Goiás, que tem 49 pontos e recebe o Grêmio em Goiânia.

Em caso de empate, o tricolor pelo menos empata a campanha de 2017 em pontos. Atlético-MG e Vasco, com 48, podem passar o Esquadrão. O Galo visita o Internacional e o cruz-maltino recebe a Chape.

Time desfalcado 
Durante a semana, o Bahia se movimentou rapidamente e renovou com o seu primeiro jogador visando à próxima temporada. O volante Flávio acertou a sua permanência até o final de 2023.

É justamente o volante, que esteve em campo em 28 jogos pela Série A, o principal desfalque da equipe para enfrentar o Fortaleza. Ronaldo, expulso diante do CSA, retorna de suspensão e vai substituí-lo. Com isso, o meio-campo terá Gregore, Ronaldo e João Pedro, mais uma vez atuando em função adiantada.

O outro desfalque é o zagueiro Lucas Fonseca, que saiu machucado no empate contra o Vasco e sequer viajou. Wanderson será titular. Élber, que também saiu machucado do último jogo, viajou e deve jogar. Caso contrário, Lucca é a opção, já que Arthur Caíke está suspenso.

A provável escalação tem Douglas, Nino Paraíba, Wanderson, Juninho e Moisés; Gregore, Ronaldo e João Pedro; Élber, Gilberto e Artur.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas