Fecomércio lança Câmara de Inovação e Tecnologia para negócios

bahia
05.02.2021, 11:04:00

Fecomércio lança Câmara de Inovação e Tecnologia para negócios

Iniciativa tem objetivo de pensar em soluções criativas para o comércio e turismo do estado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um órgão consultivo, composto por lideranças dos setores público e privado para pensar em estratégias de inovação para o comércio e turismo baiano. Esse é o norte da Câmara de Inovação e Tecnologia (CIT) lançada na última quinta (4) pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-BA). A ação é parte do mais novo projeto desenvolvido pela entidade, visando o fomento à inovação no comércio de bens, serviços e turismo da Bahia, em parceria com o Sebrae.

30 instituições foram convidadas para integrar o bloco. Entre as instituições públicas estão órgãos como a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado da Bahia (Secti), Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur). 

Já entre as empresas privadas, estão a Solutis, o espaço Colabore, o Hub Salvador, o Hub de Inovação do Banco do Nordeste (BNB) e os braços sociais que compõem  o Sistema Fecomércio-BA: Sesc (Serviço Social do Comércio) e Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial).

Todo trabalho da CIT será coordenado por Rodrigo Paolilo, CEO do Grupo Rede+, aceleradora de negócios baiana. Ao CORREIO, Rodrigo afirmou a Câmara vai gerar muita conexão entre esses participantes para justamente pensar e executar ações que na prática vão desenvolver possibilidades de maior engajamento e possibilidades para a área de tecnologia e inovação, oferecenedo desenvolvimento para a economia de Salvador e da Bahia.

A CIT funcionará com reuniões mensais, abraçando o grupo e convidados. De acordo com Paolilo, esse tipo de iniciativa serve para potencializar a aproximação com o pequeno empresário ao redor do Estado.

"O foco é pensar em eventos, cursos e ações semelhantes que desenvovlam essa área. Temos cases de tecnologias e startups de sucesso, mas o grosso do segmento ainda carece de amadurecimento tecnológico e inovador", afirma Paolilo.

A Câmara de Inovação e Tecnologia será ligada ao Inovacom – Centro de Inovação e Tecnologia da Fecomércio-BA, criado para fomentar a inovação, através da conexão de negócios, com empresas e sindicatos do setor terciário. O Inovacom propõe ainda a possibilidade de ampliação dos negócios, através de um conjunto de ações como qualificações, mentorias, criação de fóruns do Comércio e do Turismo, eventos, entre outros.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas