Feira de calçados estima vender R$50 milhões

salvador
19.01.2020, 20:19:01
Atualizado: 19.01.2020, 20:21:10

Feira de calçados estima vender R$50 milhões

Maior feira regional do país tem mais de 30 mil itens e é voltada para os lojistas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Cerca de 300 marcas de calçados montaram seus estandes na 28ª Bahiacal, exposição que acontece em Salvador desde domingo (19) e vai até terça-feira (21), no Shopping Bela Vista. A maior feira regional do país neste seguimento pretende transformar Salvador no polo de lançamentos de tendências de calçados para o outono-inverno 2020.

Com mais de 30 mil itens, a BAHIACAL tem foco nos lojistas e atrai comerciantes da Bahia e Sergipe, além de receber empresários de moda de outros estados do Norte e Nordeste. A estimativa esse ano é negociar mais de R$ 50 milhões em produtos. “Tudo que o lojista precisa para começar o ano bem está aqui”, diz Roberto Sacramento, que organiza a feira desde a primeira edição.

Rodrigo Kehl, presidente da Associação Baiana das Empresas de Representação de Calçados e Atividades Afins (Aberc), diz que a feira serve para que lojistas atualizem-se em relação às últimas tendências da moda de calçado, descubram novos fornecedores e viabilizem negócios.

“O lojista que não vem para a BAHIACAL pode perder o time. Eles correm o risco de as novidades chegarem muito tarde em seus estabelecimentos”, acredita Rodrigo. “É o momento que eles conseguem se aproximar dos fabricantes nacionais, negociar melhores preços, fazer uma comparação mais objetiva de produtos entre as marcas e fechar negócios mais vantajosos”, explica.

Os lojistas confirmam. Diretor de marketing da D´Leles, Valdélio Lins diz que a feira ajuda a loja a sair na frente. “A gente que veio com certeza leva vantagem. A novidade chega primeiro na minha loja. Sem falar que a feira é muito grande, dá muitas opções e é muito bem organizada”.  

Reconhecida por ser uma feira de fechamento de negócios e ter como ponto alto a variedade de modelos e marcas de calçados, sejam eles femininos, masculinos, esportivos ou infantis, a BAHIACAL vem investindo também em tendências de bolsas, mochilas, malas, material esportivo e até roupas. “A feira permite que o lojista não seja surpreendido”, resume o representante comercial da Via Marte, Luiz Binal.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas