Festa secreta de Anitta tem regras: 'Não vá embora sem sexo'

em alta
02.04.2022, 16:54:18

Festa secreta de Anitta tem regras: 'Não vá embora sem sexo'

Regras descritas pela cantora para os convidados chamaram atenção dos mais de 60 milhões de seguidores da artista

Anitta preparou um festão para comemorar os 29 anos em um clube de luxo em Las Vegas, nos Estados Unidos. Mas as regras descritas pela cantora para os convidados chamaram atenção dos mais de 60 milhões de seguidores da artista, que fez aniversário no último dia 30.

"Não vá embora sem alguém para fazer sexo", é uma das regras da festa apelidada por ela de "Meu baile funk". Anitta disse que quer ensinar aos seus amigos estrangeiros a "festejar como um brasileiro".

"Como vocês já sabem, eu venho celebrando meu aniversário por uma semana inteira. Eu amo fazer festas de aniversário, mas quem já foi alguma vez sabe que eu gosto de organizar as coisas antes para ter certeza que nós poderemos nos divertir e ficar bêbados sem sermos expostos", explicou a artista.

Confira abaixo as regras da festa de aniversário de Anitta:

"Ninguém é VIP. Não tem área ou mesas VIP e nem convidados especiais. Todo mundo é igual, incluindo eu"

"Não traga 20 pessoas com você. Isso não é um evento publicitário para mil pessoas, é a minha festa de aniversário de verdade e eu não quero estar presa em um lugar me divertindo com 60% de estranhos"

"Não incomode as pessoas (eu inclusa) pedindo fotos e vídeos. (Eu vou te expulsar se eu vir. Essa não é uma festa pra se destacar e parecer legal para os outros. É para nós nos divertirmos de verdade. Vá dançar e ficar bêbado)"

"Você não precisa de seguranças. (Eu não convidei animais ou criminosos ou a imprensa ou perseguidores ou qualquer outra coisa que você precise se proteger)"

"Se você está solteiro, não vá embora sem encontrar alguém pra fazer sexo depois da festa. (Eu prometi a alguns amigos que essa seria sua noite de sorte)"

Pre-para! As histórias e encontros de Marrom e Anitta no mundo da música


Para ouvir diretamente no Anchor, clique aqui.

Para ouvir em outros aplicativos, veja abaixo.

O podcast Lado B de Marrom traz sempre um bate-papo irreverente sobre cultura. Rock, quadrinhos, futebol, teatro, turismo, cinema. Ou seja: sobre tudo o que Osmar Martins gosta de ver, ouvir e acompanhar e que vai muito além do Axé Music e do Carnaval.

Você pode encontrar o programa aqui, no site do CORREIO, ou no Blog do Marrom. O podcast também está disponível em todos os aplicativos de música: no Spotify, no Deezer, no Anchor, no Google Podcasts ou no Apple Podcasts.

Você também pode ouvir nos aplicativos de sua preferência:

Spotify:

Para ouvir diretamente no Spotify, clique aqui.


Apple Podcasts:

Para ouvir diretamente no Apple Podcasts, clique aqui.


Deezer:


Para ouvir diretamente no Deezer, clique aqui.


Google Podcasts:


Para ouvir diretamente no Google Podcasts, clique aqui.


Outros aplicativos


Para ouvir no Pocket Casts, clique aqui.

Para ouvir no Breaker, clique aqui.

Para ouvir no Radio Public, clique aqui.


Mas... O que é "podcast"?

Podcast é um programa de áudio, igualzinho a um de rádio. A diferença é que você pode ouvir quando, como e onde quiser. Pode ser no celular, no computador ou na TV. Se quiser, você pode pausar, voltar, adiantar ou pular os trechos, se preferir.

Para ouvir, basta tocar no player que aparecerá dentro da matéria. Ou, se preferir, basta clicar nos links para ouvi-lo no Spotify, no Deezer, no Apple Podcasts ou no Google Podcasts. Também é possível buscar os episódios diretamente nos aplicativos.

O Que a Bahia Quer Saber

O CORREIO produz podcasts desde 2017, quando iniciou o Bate-Pronto Podcast, sobre futebol baiano. Em 2020, lançamos o O Que a Bahia Quer Saber, podcast diário com notícias relevantes para o estado.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas