Força-tarefa da prefeitura vai fiscalizar aglomerações na festa do Bonfim

salvador
13.01.2021, 18:23:00
(Arquivo CORREIO)

Força-tarefa da prefeitura vai fiscalizar aglomerações na festa do Bonfim

Lavagem tradicional não acontecerá esse ano; quem descumprir regras pode ser punido

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Com a pandemia, a festa do Senhor do Bonfim será diferente este ano, com celebração simbólica, para marcar a data, mas sem a tradicional lavagem que atrai milhares de baianos. Nesta quinta-feira (14), para garantir que não acontecerão aglomerações, a prefeitura terá uma força-tarefa com apoio da Polícia Militar para atuar de maneira ostensiva na Cidade Baixa. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) vai liderar as ações.

Os bares e restaurantes que estão localizados no trajeto do cortejo da imagem estão proibidos de realizar atividade sonora e aglomerações. Os clubes de práticas esportivas, a exemplo dos de corrida, também não podem realizar nenhum tipo de atividade na região, informou a prefeitura.

"Entendemos o quanto é difícil não poder expressar nossa fé, neste momento, como manda a tradição. Mas estamos vivendo uma pandemia e todo cuidado é necessário para manter a segurança de todos. Por isso, todo nosso efetivo estará no trajeto e quem descumprir as regras sofrerão todas as sanções previstas em lei", diz o diretor de fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior.

O prefeito Bruno Reis também fez um apelo para que as pessoas não vão ao Bonfim amanhã. Ele não estará na festa, mesmo sendo convidado a participar da missa de manhã e receber a chegada da imagem do Senhor do Bonfim à Colina Sagrada. "Em respeito às vítimas da covid, irei acompanhar a missa do Bonfim através das redes sociais. Farei isso da Prefeitura, mantendo a fé de que vamos vencer o coronavírus. Não podemos relaxar, principalmente nesse momento difícil da pandemia. Evite aglomerações", escreveu ele nas redes sociais. 

"Todo ano nós convidamos vocês para a tradicional caminhada do Senhor do Bonfim, saindo da Igreja da Conceição da Praia até a Colina Sagrada. Este ano, por conta da covid-19, temos que celebrar a nossa fé de outra forma. Pedimos a vocês: quem tem fé fique em casa”, pede o prefeito. “Nós ainda estamos nesse enfrentamento ao coronavírus. E mais do que nunca, diante do crescimento dos números no mundo, no Brasil e aqui em Salvador, precisamos evitar aglomerações”, acrescentou.

Os fiéis poderão acompanhar a programação da Lavagem do Bonfim virtualmente por meio de site e redes sociais da basílica.

Desde o início da pandemia, em março, a força-tarefa já realizou mais de 317 mil vistorias, sendo cerca de 8 mil interdições, 99 cassações de alvará e 538 aglomerações dispersadas.



***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas