Fundo de rabecão abre e corpo cai no meio da rua em Salvador; veja vídeo

salvador
06.02.2020, 01:19:29
Atualizado: 06.02.2020, 01:33:40

Fundo de rabecão abre e corpo cai no meio da rua em Salvador; veja vídeo

Situação ocorreu na tarde desta quarta (5) na Fazenda Grande do Retiro

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Foto: Reprodução

Uma falha na trava de segurança de um rabecão, no compartimento que transporta cadáveres, provocou uma situação, no mínimo, inusitada na tarde desta quarta-feira (5), em Salvador.

O veículo do Departamento de Polícia Técnica (DPT) subia uma rua íngreme do bairro da Fazenda Grande do Retiro quando a parte traseira abriu e ao menos um corpo caiu no meio da rua. 

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que funcionários do DPT correm para recuperar o corpo, que não chegou a despencar da gaveta. O corpo ficou atravessado numa faixa de pedestres, bem à frente de um caminhão.

"O corpo caiu na rua, véi", repete o cinegrafista amador, que dirigia um carro a poucos metros do incidente. Ele parece não acreditar na situação que está registrando. Assista.

Após um pedestre se aproximar, os dois servidores pegam a concha e recolocam no veículo. Nas imagens também dá para ver o funcionário do DPT tendo dificuldades para fechar novamente a trava.

Ao CORREIO, a assessoria do DPT confirmou que o incidente ocorreu por volta das 14h e envolveu o veículo PT22, adquirido pelo governo do estado no final de agosto de 2019 para compor a nova frota de carros para remoção de cadáveres.

Ainda de acordo com a assessoria do órgão, houve um rompimento de uma trava de segurança e, por conta do incidente, o veículo foi recolhido e encaminhado pela empresa da qual ele foi adquirido para que sejam feitas as verificações necessárias e tomadas as devidas providências de correção da falha.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas