Futuro dos ônibus: intervenção na CSN será prorrogada pela prefeitura

salvador
16.03.2021, 09:42:19
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)

Futuro dos ônibus: intervenção na CSN será prorrogada pela prefeitura

Prazo seria encerrado nessa quarta-feira (17), mas será ampliado por três meses

A intervenção no Consórcio Salvador Norte vai ser prorrogada pela prefeitura nessa quarta-feira (17). A informação foi divulgada pelo prefeito Bruno Reis, durante entrevista coletiva. A empresa é responsável por operar as linhas da Estação Mussurunga e da orla da cidade.

“A intervenção começou em 16 de junho de 2020. Ela tem uma data limite de um ano, então, vamos prorrogar amanhã e, no máximo, em três meses teremos que ter uma solução”,  afirmou. 

Segundo o prefeito, R$ 120 milhões foram investidos pela prefeitura no transporte público por conta da intervenção. “Esse dinheiro daria para construir um Centro de Convenções ou um Hospital Municipal”, afirmou.

Entenda a intervenção
A intervenção na CSN aconteceu em junho do ano passado, após a empresa afirmar que não tinha condições de operar o sistema. Desde então, é o Município que tem arcado com as despesas. A intenção era de que, no dia 17 de março, a intervenção fosse finalizada.

Ele voltou a dizer que nenhuma empresa mostrou interesse em operar o sistema, e que aquelas que foram procuradas pelo Município, recusaram o convite. Para chegar à solução do problema, a prefeitura pode escolher entre cinco alternativas: renovar a intervenção, declarar caducidade da empresa e abrir licitação, operação direta pelo município, contrato emergencial com outra empresa ou contrato emergencial de algumas linhas com as outras empresas que completam o sistema (Plataforma Transportes SPE S/A e Ótima Transportes de Salvador SPE S/A).

Os outros dois consórcios que administram as outras regiões da cidade, Plataforma e OT Trans, também estão demonstrando desgastes. “As outras empresas informaram que se não receberem ajuda não conseguirão pagar os salários de abril dos funcionários”, contou o prefeito.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas