Garras de Leão: Samuel se firma no Vitória após quatro meses no profissional

e.c. vitória
05.04.2021, 13:43:00
Atualizado: 05.04.2021, 16:31:41
Com cinco gols anotados, Samuel é o artilheiro do Vitória na temporada (Letícia Martins / EC Vitória)

Garras de Leão: Samuel se firma no Vitória após quatro meses no profissional

Prata da casa é o artilheiro rubro-negro na temporada

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Revelado na Toca do Leão, Léo Ceará estreou como profissional em 2014 e somente seis anos depois conseguiu se firmar de verdade no Vitória. Na temporada passada, a última com a camisa vermelha e preta, ele foi titular absoluto e artilheiro do time, com 20 gols. A transferência do centroavante de 26 anos para o Yokohama Marinos, do Japão, abriu espaço para um novo prata da casa, seis anos mais novo, se firmar como referência na área rubro-negra.  

O cenário ajudou. Em crise financeira, o Vitória não contratou de imediato nenhum substituto experiente para o lugar de Léo Ceará. Walter chegou com a temporada já em andamento e fora de forma. Nada disso tira o mérito de Samuel, que tem a concorrência de outros dois centroavanetes jovens, o também prata da casa Eron, 22 anos, e o paraguaio Aníbal, 21, contratado do Palmeiras.  


Samuel ganhou oportunidade, não desperdiçou e vai deixando de ser aposta para se tornar realidade em menos de quatro meses no elenco profissional. Titular na estreia da temporada contra o Unirb, no Campeonato Baiano, ele marcou um dos gols do empate em 3x3 e não saiu mais do time. Foi o único tento dele no estadual. Os outros quatro foram marcados na Copa do Nordeste, competição em que é vice-artilheiro. Gilberto, do Bahia, e Dellatorre, do CSA, estão no topo do ranking, com cinco gols cada. 

No regional, o centroavante de 20 anos foi decisivo no triunfo por 1x0 contra o Bahia e nos empates em 1x1 com Sampaio Corrêa e CRB. No domingo (4), Samuel também marcou um golaço, de voleio, na vitória por 3x1 diante do Treze. "Não costumo treinar muito esse tipo de finalização. Foi mais ali na hora, a forma que a bola veio lançada eu tentei ajeitar o corpo e dar o voleio", contou Samuel. 

Os cinco gols em 11 jogos fazem dele o artilheiro isolado do Vitória na temporada. "Nem nos meus melhores sonhos eu esperava um começo de temporada assim", admitiu Samuel. "Graças a Deus as coisas vêm acontecendo e fluindo. É continuar trabalhando para manter e evoluir cada vez mais no decorrer da temporada". Também revelado nas categorias de base, David aparece como vice-artilheiro do Leão no ano, com três gols. 

SEM TREMER

Samuel só não foi titular nesta temporada em dois jogos, nos empates com Bahia e Bahia de Feira, ambos pelo Campeonato Baiano, quando Rodrigo Chagas poupou os principais jogadores do time. O atacante considera que o técnico, que já o havia treinado na equipe sub-20, é um dos responsáveis pela boa performance.

"Um fator importantíssimo é o professor Rodrigo, que já conhece a gente da base, já conhecia o meu potencial e apostou. Ele tem passado toda a confiança e dado todo o suporte pra gente evoluir jogo a jogo", disse Samuel. 

Rodrigo Chagas era auxiliar de Mazola Júnior quando Samuel estreou como jogador profissional, no ano passado. Após disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior e o Campeonato Brasileiro sub-20, o atacante entrou em campo no decorrer da derrota por 2x1 para o Oeste, na 30ª rodada da Série B do Brasileiro, em 18 de dezembro.  

Depois, já com Rodrigo efetivado como técnico do time, também entrou contra Operário, Avaí, Chapecoense e Brasil de Pelotas. Diante da equipe gaúcha, garantiu o triunfo ao marcar o único gol do jogo, o primeiro dele como profissional. "Eu vinha esperando essa oportunidade há muito tempo. Ela apareceu e venho tentando agarrar da melhor maneira possível". Garras de Leão.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas