Gerente de facção que exibia armas em redes sociais é morto em São Cristóvão

salvador
21.08.2020, 14:37:00
(Foto do Leitor)

Gerente de facção que exibia armas em redes sociais é morto em São Cristóvão

Segundo a polícia, ele resistiu a abordagem, foi baleado e não resistiu

Foi morto na manhã desta sexta-feira (21) um suspeito apontado como gerente de uma facção que atuava na região do bairro de São Cristóvão. Equipes das Rondas Especiais da Polícia MIlitar (Rondesp) localizaram o suspeito no próprio bairro. Houve troca de tiros e o traficante morreu, diz a polícia. Com o suspeito, os PMs apreenderam uma arma que era constantemente exibida em fotos nas redes sociais. 

Os PMs foram até o local cumprir um mandado de prisão por homicídio, roubo a banco e porte ilegal de arma de fogo contra o suspeito de 34 anos - a Secretaria da Segurança Pública (SSP) não divulgou o nome, mas fontes confirmaram ao CORREIO que ele se chamava Alisson Rodrigues dos Santos, conhecido como Do Bloco. Na localidade do Barro Duro, o encontram com comparsas. O local foi cercado e o grupo reagiu atirando.

Baleado, Alisson foi levado para o Hospital Menandro de Farias, mas acabou morrendo. Com ele, foram apreendidos uma pistola calibre 9mm, que era constantemente exibida em redes sociais, carregador, munições, 346 pedras de crack, 213 trouxas de maconha, 34 pinos de cocaína e um celular

Na ação, um PM acabou recebendo um tiro na mão e outro no colete. O militar foi encaminhado para o Hospital da Bahia e não corre risco de morte.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas