Goleiro Bruno recebe aplausos após primeiro treino no Boa Esporte Clube

brasil
14.03.2017, 12:28:00
Atualizado: 14.03.2017, 12:29:29

Goleiro Bruno recebe aplausos após primeiro treino no Boa Esporte Clube

Condenado a mais de 20 anos de prisão pela morte da amante Eliza Samudio, ele deixou a cadeia há menos de um mês

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O goleiro Bruno foi aplaudido por cerca de vinte torcedores que acompanharam seu primeiro treino como goleiro do Boa Esporte Clube na manhã desta terça-feira em Varginha, no sul de Minas Gerais. "Ele é um ídolo flamenguista e vai ser ídolo do Boa também. Ele errou? Errou, mas tem a chance de reabilitação", afirmou o aposentado Lupércio, que não quis informar o nome completo, e foi um dos torcedores que aplaudiram o recém-contratado. 

Bruno foi tratado como uma espécie de celebridade no sul de Minas. Vários torcedores fizeram selfies e tiraram fotos do jogador quando ele deixou o Centro de Treinamento. A maioria, no entanto, não quis dar entrevistas. Todos acompanharam a saída do carro do jogador, que estava acompanhado de empresários e advogados. 

Bruno posa com a camisa do Boa, ao lado de advogado, empresário e dirigentes do clube mineiro (Foto: Divulgação)

Bruno foi apresentado oficialmente nesta terça-feira. Com receio de protestos, o clube confirmou o horário da entrevista apenas dez minutos antes da realização da entrevista coletiva. O clima foi tenso. Não houve protestos do lado de fora do hotel, mas o goleiro Bruno se esquivou de responder a várias perguntas e se limitou a falar sobre futebol. 

Condenado a mais de 20 anos de prisão pela morte da amante Eliza Samudio, ele deixou a cadeia há menos de um mês após conseguir um habeas corpus concedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Bruno vai recorrer de sua condenação pelo sequestro, morte e ocultação do cadáver da modelo Eliza Samudio em liberdade. 

Na entrevista, ele agradeceu a oportunidade dada pelo clube mineiro. "Eu venho me preparando há alguns anos. As pessoas correm de mim pelo o que aconteceu no passado. O Boa está abrindo as portas. Estou muito feliz, motivado. Deus está abrindo as portas para a gente. Tenho certeza que é Deus", disse o goleiro.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas