Guia da fase 2: o que você precisa saber sobre a reabertura em Salvador nesta segunda (10)

coronavírus
10.08.2020, 05:00:00
Bares, restaurantes e lanchonetes têm regras para abrir na fase 2 (Foto: Arisson Marinho/Arquivo CORREIO)

Guia da fase 2: o que você precisa saber sobre a reabertura em Salvador nesta segunda (10)

Decreto municipal autoriza reabertura de 30 mil estabelecimentos na capital baiana

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Foram mais de quatro meses de portas fechadas, sem a presença costumeira de clientes, alunos, visitantes. Mas, a partir desta segunda-feira (10), com a autorização para o início da fase 2 de retomada das atividades em Salvador, bares, restaurantes, academias, salões de beleza e museus  estão liberados para voltar a funcionar. O prefeito ACM Neto bateu o martelo no sábado (2). 

“Será retomado o funcionamento de 30 mil estabelecimentos em Salvador. Vamos acompanhar com toda a atenção cada uma destas atividades. Não vamos tolerar o descumprimento dos protocolos, principalmente nos bares. Se houver risco de desordem e de aglomerações, vamos tomar medidas duras”, disse Neto. 

O decreto de reabertura permite ainda atividades que ainda estavam proibidas em shoppings: academias, salões, restaurantes e lanchonetes. Praças de alimentação podem abrir com 50% da ocupação. Além disso, fica autorizado, em obras em imóveis habitados, a presença de até quatro funcionários a cada 100m² e o funcionamento das academias em condomínios, seguindo os protocolos gerais.

As taxas de ocupação de leitos de UTI menores que 75% permitiram a liberação da primeira fase da retomada, em 24 de julho, que contemplou shoppings, comércio de rua (lojas de até 200 m²), drive-ins e igrejas.

Para o início da fase 2, Salvador precisava passar por cinco dias com a taxa de ocupação de leitos de UTI para covid-19 no máximo em 70% e 14 dias de espaçamento em relação ao início da fase 1. Ontem, a taxa de ocupação de leitos de UTI em Salvador era de 55%.

O presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-BA) Luiz Henrique Amaral destacou o início da nova jornada:

"Precisamos desenvolver a capacidade de criar ambientes de negócios que nos permitam manter a saúde das empresas, das pessoas, dos colaboradores e dos empresários”, disse Amaral.

A presidente da Associação Baiana de Salões de Beleza (Abasbe), Sarah Pires, concorda com a abertura: “Era o que todos nós queríamos, principalmente, por todas as dificuldades financeiras enfrentadas pelo setor”. 

CEO da rede de Academias Selfit, Leonardo Pereira também comentou a retomada das atividades. “As academias são promotoras de saúde, com grande contribuição para o aumento da imunidade e no combate à obesidade e ao sedentarismo, fatores de risco”, pontuou. 

A 3ª fase deve contemplar parques de diversões e temáticos, teatros, cinemas e casas de espetáculos, clubes sociais, recreativos e mais os centros de eventos e convenções. A ativação da etapa depende da permanência de uma taxa de ocupação de leitos menor que 60%, após a consolidação das duas fases anteriores. Escolas e praias ainda não entraram neste plano.

Veja as regras para cada grupo:

LANCHONETES, BARES E RESTAURANTES
Dias e horários - Os bares, restaurantes, pizzarias, sorveterias, hamburguerias e similares poderão reabrir a partir desta segunda (10), de segunda a domingo, das 12h às 23h. Já lanchonetes, das 7h às 16h.

Serviço - Os serviços presenciais devem ser à la carte, escolhendo o prato pelo cardápio, ou com serviço de buffet se um funcionário servir. Não haverá self service - em que a própria pessoa se serve - ou rodízios.

Distâncias - A distância entre as mesas deve ser de dois metros e de um metro entre cadeiras de mesas diferentes.

Cuidados - Cada mesa só pode comportar até seis pessoas e todos devem usar máscaras, exceto no momento das refeições e ingestão de líquidos.

Adaptações - O cardápio deve ser digital ou plastificado, com higienização após cada uso. A apresentação de músicos ao vivo está proibida e qualquer atividade sonora deve se manter abaixo de 35 decibéis.

Estabelecimentos precisarão se adaptar a novas regras como cardápio plástificado ou em versão digital

Cardápios terão ue ser digitais ou plastificados
(Foto: Nara Gentil/Arquivo CORREIO)


ACADEMIAS DE GINÁSTICA
Dias e horários
- As mais de 2.150 academias de Salvador reabrem nesta segunda e vão poder funcionar de segunda a sábado - fecham aos domingos. Não há limitação de horário de funcionamento - ficará a critério de cada empresa. O aluno só vai poder entrar com agendamento e permanecer por 1 hora.

Sem revezamento - Como é obrigatório que os equipamentos sejam higienizados a cada uso, está proibido o revezamento dos aparelhos.

Aulas coletivas - As atividades coletivas, a exemplo das aulas de dança e crossfit, só são permitidas desde que haja marcação no solo, com distanciamento de dois metros entre os alunos, com duração máxima de 45 minutos. 

Sem piscina - As piscinas, assim como os bebedouros, não poderão ser usadas nesse primeiro momento. 

Cuidados - A máscara é de uso obrigatório por todos. 

Marcação no chão e distanciamento dos equipamentos são realidade

Revezamento nos aparelhos está proibido nas academias
(Foto: Nara Gentil/Arquivo CORREIO)


MUSEUS E CENTROS CULTURAIS
Dias e horários
- A partir desta segunda, centros culturais, museus e galerias de arte devem funcionar das 10h às 16h de segunda a sábado, e aos domingos sem restrições de horário.

Ingressos - A venda de ingresso deve ser preferencialmente virtual, com horário agendado. Quando o acesso for gratuito, o agendamento também deve ser on-line.

Percurso - Durante toda a visitação, deve ser mantido um circuito de mão única - isto é, uma porta só de entrada e outra só para a saída.

Sem guias ou interação - Neste primeiro momento, ficam proibidos uso de audioguias e visitas guiadas, assim como obras e exposições interativas, que pressupõem o toque ou colocar fones de ouvido.

Filmes ou vídeos - Exibição de filmes ou vídeos só em espaços abertos, com duração máxima de 15 minutos.

Salão interno no Instituto Geográfico e Histórico da Bahia

Museus terão que abrir mãos de visitas guias e mostras interativas
(Foto: Divulgação)


SALÕES DE BELEZA E BARBEARIAS
Dias e horários
- A partir desta segunda, podem  funcionar das 10h às 19h, de segunda a sábado, só com hora marcada e por atendimento individual.

Sem acompanhamento - Não é autorizado ter sala de espera, nem acompanhantes, só no caso de crianças, idosos ou pessoas com deficiência.

Nem barba, nem maquiagem - Como o uso da máscara também é obrigatória, todos os procedimentos que precisarem retirá-la estão proibidos, a exemplo da maquiagem e da barba.

Restrições - A capacidade total do espaço é de 30% e o intervalo entre os clientes deve ser no mínimo de 15 minutos, para que haja tempo de o local seja higienizado, bem como os equipamentos que foram usados no cliente anterior.

Higienização do espaço do salão já foi feito

Salões terão que higienizar tudo após atender cada cliente
(Foto: Divulgação)


Frota de ônibus sobe de 70% para 80%
Com a retomada do comércio de bares, restaurantes, academias, salões de beleza e museus em Salvador a partir desta segunda (10), a frota de ônibus será aumentada para 80%. A informação tambem foi divulgada no sábado (2) pelo prefeito de Salvador, ACM Neto, durante entrevista coletiva que autorizou para esta segunda o início da fase 2 de retomada das atividades.

A medida, que contempla também a liberação da praça de alimentação dos shoppings com 50% da ocupação total, foi publicada na edição extra do Diário Oficial do Município (DOM).

De acordo com o gestor, a mudança no sistema de transporte público acontecerá justamente por conta da abertura de novas atividades. A frota de ônibus passara de 70% para 80%, com 1.770 veículos em circulação pela cidade.

“Não posso deixar de fazer um apelo para a organização, principalmente, do transporte público. O cidadão tem que nos ajudar, como vem colaborando desde a ativação da 1ª fase”, reforçou o prefeito ACM Neto.

Nos coletivos, segue sendo obrigatório o uso de máscara e os rodoviários estão autorizados a negar que os passageiros adentrem os ônibus sem o uso da proteção.

A obrigatoriedade do uso começou a valer no dia 23 de abril. Nas estações de transbordo, como a Lapa, há um espaço para triagem das pessoas que estão ou não usando máscaras.

Segundo a prefeitura, fiscais da Secretaria de Mobilidade e da Guarda Municipal podem retirar dos ônibus os passageiros que se recusarem a usar a máscara.

Frota de ônibus será aumentada para 80% com fase 2 da reabertura em Salvador

Mais ônibus estarão nas ruas, mas uso de máscara continua sendo obrigatório
(Foto: Marina Silva/Arquivo CORREIO)


Rodoviárias de 47 cidades também reabrem nesta segunda (10)
A partir desta segunda-feira (10), as rodoviárias de 47 municípios baianos também podem voltar a funcionar. Em Salvador, o terminal poderá receber ônibus dessas cidades, que ficam a até 100 quilômetros da capital. Serão 100 linhas.

Ontem, na véspera da volta, a rodoviária ainda estava fechada com grades e vigiada por seguranças. Taxistas e ambulantes ansiosos foram conferir o movimento.

Tibúrcio da Paz, 52 anos, taxista, teve prejuízo. “Sofri bastante com a interdição da rodoviária e a ausência de pessoas para pegar táxi. Sem ônibus, não tem gente. Sem gente, não temos renda”.

O vendedor Valdez Trindade, 32 anos, está otimista com reabertura da rodoviária
(Foto: Wendel de Novais/CORREIO)

A Agerba exigirá a testagem periódica dos funcionários dos transportes e dos terminais e a ocupação da capacidade em 50%. No transporte hidroviário serão retomadas as saídas regulares.


Na RMS, Mata de São João reabre nesta segunda (10) o Grupo 2
Em Mata de São João, na Região Metropolitana de Salvador, a prefeitura decidiu antecipar por cinco dias a reabertura do Grupo 2 de atividades. 

A partir desta segunda, também reabrem academias de ginástica, salões de beleza, lanchonetes, sorveterias, bares e centros culturais. A retomada deste grupo estava, em princípio, marcada para o próximo sábado (15).

De acordo com o decreto, o horário de funcionamento de bares, restaurantes e lanchonetes será até as 23h30 e os salões de beleza poderão funcionar até as 19h. 

A Prefeitura de Camaçari vai avaliar nesta segunda a primeira fase e, então, decidir se segue com ela ou se inicia a fase 2, com abertura de bares, restaurantes e academias.

A Prefeitura de Lauro de Freitas também tem bares, restaurantes, lanchonetes, academias e salões de beleza na fase dois de reabertura, mas, procurada, não informou quando vai acontecer.

*Colaborou Wendel de Novais, com supervisão da chefe de reportagem Perla Ribeiro

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas