Hackers comercializam ingressos e hospedagens falsas para Copa do Mundo na Rússia

especiais patrocinados
03.07.2018, 16:10:00
Atualizado: 03.07.2018, 18:25:29
(Foto: Shutterstock)
Estúdio Correio -

Hackers comercializam ingressos e hospedagens falsas para Copa do Mundo na Rússia

É preciso se certificar do local onde está comprando os bilhetes e as estadias com valores mais baixos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Turistas que viajarem de última hora para a Rússia com o objetivo de acompanhar a Copa do Mundo terão que se precaver ao comprar os ingressos e hospedagens.

Agências de segurança do país estão preocupadas com ataques de hackers durante o mundial. Reportagem de uma publicação russa - Kommersant - revelou que a quantidade de ataques no formato “DDos” (Denial of Service) dobrou no último levantamento.

O ataque de negação de serviço, na tradução literal, é capaz de sobrecarregar um servidor ou computador a ponto dos sistemas ficarem indisponíveis ao usuário.

Ocorre que tais intervenções de hackers nos mecanismos podem prejudicar o turismo local. ‘Spams’ com instruções para viabilizar um ingresso nos sorteios da FIFA, além de golpes ‘phishing’ com promoção de ingresso e hospedagem barata são exemplos de como os criminosos podem se aproveitar dos torcedores e turistas.

Especialistas garantem que quem já comprou um pacote em uma agência confiável não precisa se preocupar. Já quem pretende seguir de última hora para a Rússia deve se certificar do local onde está comprando os ingressos e estadias com valores mais baixos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas