Humanizar processos na saúde otimiza resultados e relação com pacientes

artigo
11.04.2019, 14:30:00

Humanizar processos na saúde otimiza resultados e relação com pacientes


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Penso e acredito ferreamente que é quase impossível falar em humanização do processo na saúde sem abordar e aproximar a relação entre o médico e paciente. Ela precisa, acima de tudo, ser equacionada e valorizada, respeitando-se as condições emocionais e psíquicas do indivíduo, bem como o perfil de atuação do profissional.

No modelo de gestão DynamicCare Benefícios, os processos abrangem a saúde mental e emocional, uma vez que utilizamos diversos métodos, indicadores de aproximação e entendimento junto aos pacientes e profissionais. Entre eles posso citar nossas visitas periódicas de médicos e enfermeiros aos hospitais, afim de verificar se o indivíduo está recebendo todo atendimento de que precisa para seu restabelecimento, se o local é adequado, se é a melhor opção para o procedimento...

Com certeza, a tecnologia é um fator fundamental no processo e na cadeia como um todo. Ninguém duvida disso. Os prontuários eletrônicos, por exemplo, são uma ótima ferramenta, pois se conectam com o histórico de saúde do indivíduo, que se dá por meio de questionários de perfis epidemiológicos e controle de todos os processos de saúde do indivíduo. Isso gera uma maior aproximação do gestor, médico e empresa, com o paciente ou colaborador. Ou seja, o fator humano, a inteligência humana, conduzindo e pilotando a tecnologia. A telemedicina é um componente importante no conceito da humanização – basta sabermos usá-la.

Acreditamos que os colaboradores das grandes empresas, as seguradoras e os próprios hospitais são os maiores beneficiários na humanização dos processos - quando feitos e condicionados da maneira correta. Entender o fator emocional e se mostrar próximo aos fatores de risco e continuidade nos tratamentos dos pacientes e colaboradores, sem dúvida, é a base crucial para um processo de gestão humanizada e eficiente.

Considerando que ainda falta muito conhecimento e conscientização na utilização dos benefícios da saúde - muitos utilizam mais do que deveriam, o que gera grande desequilíbrio financeiro no momento do fechamento de contas –, o fator humano pode ser utilizado como uma forma de conscientizar e educar o indivíduo. Nossa plataforma e Central de saúde 24 horas, por exemplo, com profissionais da área médica, capacitados a esclarecer dúvidas e orientar, pode fazer e fazem toda diferença em um momento de apreensão e urgência do paciente.

Hoje, em média, 30% dos gastos com pacientes acontecem nos últimos três meses de vida da pessoa. Isso nos mostra que precisamos o quanto antes aplicar gestão humanizada com efetividade tecnológica e programas de prevenção, melhorando a qualidade de vida das pessoas e minimizando os custos de saúde.

A saúde é um direito de todos e um dever do Estado. Portanto, cabe a nós, gestores e provedores de serviços na saúde assistencial, a responsabilidade de zelar, assessorar e humanizar nosso processo de cuidado com as pessoas, buscando um conceito único: Prover sempre um plano de saúde e não um plano de doenças.

Leandro Almeida é fundador e diretor da DynamicCare Benefícios. Formado em comunicação e marketing, pós-graduado em Seguros e Resseguros, especialista em vendas consultivas e legislação de saúde.

Opiniões e conceitos expressos nos artigos são de responsabilidade dos autores



***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/editorial-fotografado-a-distancia-une-tres-paises-na-quarentena/
O ensaio foi realizado pela plataforma Zoom, usando celular
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-de-marrom-a-bahia-tambem-ensina-ao-mundo-como-cantar-e-dancar-forro/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/copo-de-leite-faz-haddad-acusar-bolsonaro-de-brindar-supremacistas-brancos-entenda/
Leite tem sido usado como símbolo por neonazistas nos EUA; petista enxergou provocação após repercussão de mortes de homens negros. Presidente nega
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anastacia-comemora-80-anos-com-muito-forro/
Cantora e compositora lança EP com produção de Zeca Baleiro e parcerias com Mariana Aydar, Chico César e Amelinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nizan-guanes-vai-entrevistar-roberto-medina-abilio-diniz-e-washington-olivetto/
As entrevistas são parte do Sunday Night Live que o publicitário tem realizado em sua conta do Instagram
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/luiz-caldas-substitui-sanfona-por-guitarra-em-disco-de-forro/
Álbum é o centésimo em projeto do músico que prevê um lançamento temático por mês
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/youtuber-compra-mansao-de-r-65-milhoes-apenas-para-gravar-videos/
Camila Loures disse que seguirá morando em sua antiga residência
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/daniela-faz-live-nesta-sexta-feira-29-com-transmissao-no-multishow/
Apresentação da cantora será em casa e terá clássicos como O Canto da Cidade, além de canções novas
Ler Mais