Lázaro 'reclama' de agenda cheia de Wagner Moura: 'Não responde minhas mensagens'

em alta
09.05.2022, 12:24:40

Lázaro 'reclama' de agenda cheia de Wagner Moura: 'Não responde minhas mensagens'

Em tom de brincadeira, marido de Thaís Araújo falou sobre a relação dos dois

Uma das amizades mais antigas e sinceras do cinema brasileiro, Wagner Moura e Lázaro Ramos são unidos desde quando eram anônimos em Salvador. Em entrevista ao "OtoLab" desta semana, no Uol, o marido de Thaís Araújo deu mais detalhes da relação entre os dois e reclamou da agenda do parceiro.

“Wagner Moura é a pessoa que tem a agenda mais lotada do Brasil hoje em dia. Estou fazendo isso aqui como uma provocação, é para esse vídeo chegar nele e ele perceber que eu o estou expondo na internet.” Revelou Lázaro Ramos.

“Wagner acabou de estrear uma série com a atriz de ‘Handmaid’s Tale’ [‘Iluminadas’, com Elizabeth Moss]. O Wagner Moura fez o filme mais caro da história da Netflix (‘Agente Oculto’). O Wagner Moura, neste momento, está filmando em Atlanta outra superprodução [‘Civil War’]”, continuou.

“Ele agora não tem mais tempo pra mim. Ele não tem mais tempo pra atender meus telefonemas. Ele não faz mais chamada de vídeo comigo. Então talvez, Ota, se você pedir, ele abra um tempinho pra trabalhar comigo.” Falou Lázaro Ramos em tom de brincadeira.

Lázaro Ramos ainda encerrou esse momento dizendo: “Waguinho, ó paí, ó: tanta história juntos, tanta emoção. Você está abandonando o seu passado! Atenda a p**** do telefone, Wagner. Responda minhas mensagens”.

Recentemente, durante uma entrevista ao podcast Podpah, Lázaro Ramos contou sobre o início da amizade dos dois. “Wagner é meu amigo desde que eu tinha 16 anos. Ele era esquisitíssimo e o apelido dele era OVNI. Ele andava com um cabelão na frente do rosto, de roupa preta, muito esquisito mesmo. Eu tinha um pouco de medo dele e mal nos falávamos”.

O famoso ainda revelou que quem tomou a iniciativa de começar uma amizade foi Wagner. “Um dia Wagner foi ao teatro me ver, foi falar comigo no camarim e me pediu para ser amigo dele. Fiquei amigo dele por medo. Acabamos saindo da Bahia juntos. Ele é padrinho do meu filho e eu sou padrinho do filho dele.” Completou Lázaro Ramos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas