Mancha de óleo que atinge praias do Nordeste chega a Arembepe

bahia
10.10.2019, 11:05:00
Atualizado: 10.10.2019, 11:10:16
(Foto: Marina Silva/Arquivo CORREIO)

Mancha de óleo que atinge praias do Nordeste chega a Arembepe

Professor da Ufba informa que a mancha deve chegar a Salvador ainda nesta quinta

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


A mancha de óleo que atinge a região Nordeste chegou também a Arembepe, no Litoral Norte da Bahia. O  Comando do 2º Distrito Naval informou que localizou a mancha na localidade na manhã desta quinta-feira (10). De acordo com a Marinha, este é o ponto mais ao sul do litoral nordestino já registrado até o momento. O misterioso petróleo cru já afetou uma área de cerca de 138 Km de praia no litoral baiano.

Até quarta-feira (9), a região atingida compreendia os municípios de Camaçari e Jandaíra, no limite com Sergipe, na região do Litoral Norte do estado ea correspondia a mais de 10% da quilometragem de praia da Bahia, indo desde Guarajuba até Mangue Seco. Agora já está presente também em Arembepe e deve chegar a Salvador ainda nesta quinta-feira (10). De acordo com o professor do Departamento de Oceanografia da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Guilherme Lessa, isso pode ocorrer porque o óleo continuará se deslocando para o sul enquanto estiver na água.

Além do recolhimento de amostras do material, que foram encaminhadas para análise no Instituto de Pesquisas do Mar Almirante Paulo Moreira (IEAPM), localizado em Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro, o 2º Distrito Naval mantém busca de manchas por aeronave SH-16, em coordenação com os Navios Hidrográfico-Balizador “Tenente Boanerges” e “Comandante Manhães” e o Navio-Varredor “Atalaia”, da Marinha do Brasil.

Ainda segundo a Marinha, tem sido feito o acompanhamento do tráfego marítimo de embarcações mercantes, que efetuem transporte de óleo com características similares ao encontrado; e o monitoramento
da área, em coordenação com órgãos ambientais e prefeituras da região.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pf-cumpre-mandados-contra-quadrilha-que-fraudou-mais-de-r-4-milhoes-do-inss/
O grupo é investigado por, pelo menos, 80 benefícios previdenciários suspeitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/5-filmes-que-voce-deve-assistir-para-apreciar-as-trilhas-de-ennio-morricone/
Compositor, que morreu aos 91 anos, era grande nome da música no cinema
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-baiano-hiran-lanca-segundo-disco-galinheiro/
Disco tem participações especiais de Tom Veloso, Majur e outros artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/serie-baiana-que-revela-salvador-sombria-ja-esta-disponivel-no-amazon-prime/
Produção tem roteiro e direção de Julia Ferreira, baiana que estudou cinema em Londres e Madri
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netos-de-luiz-gonzaga-divulgam-nota-de-nojo-por-uso-de-musica-em-live-de-bolsonaro/
Jair Bolsonaro convidou o presidente da Embratur para tocar durante a live da última quinta
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-da-lapinha-falam-ao-contrario-e-tem-um-dialeto-o-gualin/
Há meio século, falar ao contrário é considerado sinal de pertença para os moradores “raiz” do bairro da Lapinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/elza-soares-aos-90-e-cheia-de-projetos/
Cantora lança releitura de 'Juízo Final' e faz live neste sábado (4), com participação de Flávio Renegado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/como-tratar-a-dor-da-chikungunya-entenda-fases-da-doenca/
Registro de casos aumentou 440% na Bahia nos últimos seis meses; sintoma pode se tornar crônico e durar anos
Ler Mais