'Me colocaram na posição de vítima', diz Fátima Bernardes sobre separação

variedades
25.06.2018, 13:04:00
(Foto: Reprodução)

'Me colocaram na posição de vítima', diz Fátima Bernardes sobre separação

Ela também falou de casamento de Bonner: 'Não mexe comigo'

Um dia antes de completar seis anos do programa "Encontro", celebrado nesta segunda-feira, 25, Fátima Bernardes falou sobre a virada na carreira e a separação do jornalista William Bonner, com quem foi casada por 26 anos. As declarações foram dadas ao jornal O Globo.

"Embora eu e William tenhamos sido muito discretos, as pessoas intuíram que foi ele que se decidiu pela separação. Me colocaram na posição de vítima. E, no entanto, ninguém sabe quem deu o basta, quem disse 'a partir de agora é melhor não'", disse.

Questionada, então, sobre quem teria dado o basta na relação, a apresentadora afirmou que o casal "nunca" vai falar sobre isso. Eles anunciaram a separação em agosto de 2016.

Com relação à união do ex-marido com a fisioterapeuta Natasha Dantas, ela afirma que é "natural". "O casamento dele não mexe comigo. Acho natural que ele reconstrua a vida dele. Assim como também estou tocando a minha", disse.

Em novembro do ano passado, Fátima assumiu o namoro com o advogado Túlio Gadêlha e impressionou o público ao aparecer ao lado dele com fantasia de Mulher-Gato para curtir o pré-Carnaval em Olinda no começo deste ano. É comum observar postagens do casal nas redes sociais.

Sobre a mudança na carreira, do jornalismo ao entretenimento, ela garante que fez tudo na hora certa e não sente saudades. "Tenho agora o privilégio de ter um espaço em que posso tratar de assuntos tão importantes de um jeito mais pessoal, afetuoso, mais próximo, com um olhar para o outro. Nem nos meus melhores sonhos eu imaginava que podia rolar isso", disse Fátima.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas