Mega-Sena sorteará R$ 170 milhões nessa quarta; 38 baianos já ganharam

bahia
07.05.2019, 05:05:00
Atualizado: 07.05.2019, 10:22:40
Apostas podem ser feitas até as 19h desta quarta-feira (8), dia do sorteio (Betto Jr/CORREIO)

Mega-Sena sorteará R$ 170 milhões nessa quarta; 38 baianos já ganharam

Rendimento mensal do prêmio na poupança supera os R$ 630 mil

O que você faria com R$ 170 milhões? É difícil não ter ouvido essa pergunta nos últimos dias. Desde que a Mega-Sena acumulou pela 13ª vez, os sonhadores não falam em outra coisa. O que muita gente talvez não lembre é que da última vez que alguém levou o prêmio, em março deste ano, o vencedor foi um baiano. Aliás, outros 37 conterrâneos tiveram a mesma sorte desde que o sorteio foi criado, em 1996.

Já a primeira vez que um soteropolitano levou o prêmio da Mega-Sena foi em novembro de 2011. Ele arrematou nada menos que R$ 5,4 milhões, sem precisar dividir com ninguém. Os maiores sorteios com vencedores baianos até hoje foram com premiações de R$ 220 milhões (2016), com aposta dividida com outros cinco vencedores; R$ 224 milhões (2013), partilhados com outras três apostas; e R$ 302 milhões (2018), divididos com outros 52 sortudos. Já o maior prêmio da história da Bahia foi R$ 306 milhões (2017), partilhados com outros 16 apostadores. As identidades dos vencedores não são reveladas. 

Se a Bahia é a terra de todos os santos, essa é a hora certa para se apegar às crenças. O sorteio dos R$ 170 milhões da Mega-Sena será realizado nessa quarta-feira (8), e as apostas podem ser feitas até as 19h do mesmo dia. O valor do prêmio é tão significativo que, até quem não tem hábito de apostar, resolveu tentar a sorte e fazer uma fézinha. É o caso do técnico em manutenção Jackson Oliveira, 53 anos.

Jackson não tem hábito de jogar, mas vai tentar a sorte
(Foto: Betto Jr/CORREIO) 

Na tarde dessa segunda-feira (6), ele aguardava a chegada de um irmão na porta de uma lotérica, na Federação. Enquanto o rapaz não chegava, Jackson entrou no estabelecimento e aproveitou para pegar alguns bilhetes da Mega-Sena.

“Vou levar para casa e escolher os números. Depois eu venho e faço as apostas. É tanto dinheiro que eu não sei nem o que faria. Acho que primeiro iria fazer um curso de Economia para saber como investir toda essa quantia. Eu não sou de apostar, mas são R$ 170 milhões, né?”, brincou.

O técnico em manutenção admitiu que, como teve sorte recentemente, quis aproveitar o embalo. “Na semana passada, fiz uma aposta com uns amigos. Investi R$ 4 e ganhei R$ 46. A menina da loteria até perguntou se eu não queria fazer uma nova aposta, mas não fiz. Peguei logo meus 40 contos”, afirmou.

Na lotérica da Federação, onde Jackson decidiu tentar novamente a sorte, a fila estava grande na tarde de ontem: ia da boca dos caixas até a calçada, em frente ao Cemitério do Campo Santo.

O que dá para comprar?
O valor de R$ 170 milhões em jogo nesta semana representa o maior prêmio deste ano, além de poder ser o terceiro maior já pago na história da Mega-Sena no Brasil, se considerarmos apenas sorteios regulares - que excluem a Mega da Virada. O maior valor pago no Brasil foi de R$ 205 milhões, para uma única aposta de Brasília, em novembro de 2015. Já no segundo, dois sortudos dividiram R$ 197 milhões, em dezembro de 2015. Mas, afinal, o que dá para comprar com esse dinheiro?

Para se ter uma ideia, com esse valor é possível adquirir 5.666 carros populares, de R$ 30 mil cada, ou 850 apartamentos de R$ 200 mil. Não é pouca coisa.

Já para aqueles que pensam em guardar todo o dinheiro em uma poupança, é também uma boa pedida: o valor do prêmio renderá R$ 631 mil por mês.

Edvaldo fez estudo para ampliar chances de ganhar na Mega 
(Foto: Betto Jr/CORREIO)

Contar com um rendimento mensal tão alto faz muita gente sonhar. O servidor público Edvaldo Vaz, 62, montou até uma tabela com números que podem ser sorteados. Segundo ele, que faz apostas há 15 anos, os dados são fruto de um estudo que realiza há 5 anos. E parece que a estratégia é boa, já que o apostador já levou oito quadras e algumas premiações de outros sorteios da Caixa Econômica Federal.

O segredo do estudo é complexo e Edvaldo não detalha, mas dá pistas. Ele diz que joga toda semana, procura fazer muitas apostas e sempre na Fio de Ouro. Essa última dica tem uma pitada de superstição, já que foi nessa lotérica, que funciona dentro do Shopping Brotas Center, em Brotas, que saiu o último ganhador da Mega-Sena, em 20 de março, com R$ 32,6 milhões.

“No dia desse sorteio eu acertei o terno (três números). A última vez que ganhei foi em abril, quando acertei a quadra e levei R$ 866, mas já ganhei na Loto Fácil e em outros sorteios", conta.

Caso o estudo feito dê resultado ou a sorte apareça na vida de Edvaldo, uma coisa é certa: ele vai deixar o Brasil. "Se eu ganhar esse prêmio, eu vou embora do Brasil, mas ainda não sei para onde”, adianta ele, que fez 20 apostas na semana passada.

Deu vontade de jogar?
A Mega-Sena paga milhões para o acertador dos 6 números sorteados, mas também é possível ganhar prêmios ao acertar 4 (quadra) ou 5 números (quina) dentre os 60 disponíveis no volante de apostas.

Para concorrer, você deve marcar de 6 a 15 números, podendo deixar que o sistema escolha os números para você (Surpresinha) e/ou concorrer com a mesma aposta por 2, 4 ou 8 concursos consecutivos (Teimosinha).

A aposta mínima é de 6 números, que custa R$ 3,50. Quanto mais números o apostador marcar, maior o preço da aposta e maiores as chances de faturar o prêmio mais cobiçado do país. Um jogo de 7 números custa R$ 24,50, enquanto um jogo de 8 sai por R$ 98 e um de 9 é vendido por R$ 294.

É possível fazer o jogo nas casas lotéricas ou pela internet - neste caso, correntistas da Caixa fazem jogos de qualquer valor, enquanto não correntistas só podem fazer apostas a partir de R$ 30.

Os sorteios da Mega-Sena são realizados duas vezes por semana, às quartas e aos sábados.

Em 2018, foram realizadas mais de 21,5 milhões de apostas na Bahia. Já nos três primeiros meses de 2019, mais de 5,7 milhões de jogos foram registrados nas 795 lotéricas ativas do estado.

O prêmio bruto de cada sorteio corresponde a 43,35% da arrecadação. Dessa porcentagem, 35% são distribuídos entre os acertadores dos 6 números sorteados (sena); 19% entre os acertadores de 5 números; 19% entre os acertadores de 4 números; e 22% ficam acumulados e são distribuídos aos acertadores dos 6 números nos concursos de final 0 ou 5. Além disso, 5% ficam acumulados para a primeira faixa - sena - do último concurso do ano de final 0 ou 5 (Mega da Virada).


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/thiaguinho-chora-ao-cantar-musica-que-escreveu-para-fernanda-souza-veja/
Cantor começou a se emocionar durante a canção 'Deixa Tudo Como Está'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dancarino-morre-e-outras-duas-pessoas-ficam-feridas-em-ataque-de-faccao/
Três homens e uma mulher em um carro atiraram contra moradores em São João do Cabrito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jovem-se-finge-de-gato-e-mia-embaixo-da-cama-para-nao-ser-achado-por-policiais/
Ele é suspeito de ter participado de um latrocínio em Fortaleza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/do-cordel-a-escultura-leitores-fazem-homenagens-para-correio/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/homem-deixa-delegacia-e-volta-atacar-publico-lgbt-na-porta-de-unidade/
Na madrugada, Edson Macedo invadiu bar Caras e Bocas, destruiu local e agrediu clientes e artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/triste-sina-da-mulher-ketchup-8-anos-depois-erenildes-aguiar-enfrenta-depressao/
Sem a fama de antes, arrependida e com doença severa, Erenildes vive de remédios e trancada dentro de casa
Ler Mais