Meia tonelada de cocaína encontrada em laboratório é incinerada na Bahia

salvador
29.10.2020, 12:41:29
Atualizado: 08.12.2020, 11:40:15
Meia tonelada de cocaína encontrada em laboratório é incinerada na Bahia (Foto: Divulgação/Draco)

Meia tonelada de cocaína encontrada em laboratório é incinerada na Bahia

Droga abasteceria Salvador e as cidades vizinhas; casal foi preso

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Meia tonelada de cocaína que foi apreendida em um laboratório de refino em Pojuca, Região Metropolitana de Salvador, foi incinerada, na última terça (27). Um casal foi preso em flagrante por agentes da Coordenação de Narcóticos do Departamento de Combate ao Crime Organizado (Draco) da Polícia Civil.

O material foi apreendido na quarta-feira (21) em um imóvel usado por traficantes como laboratório de refino, que fica na Estrada das Cascalheiras, em Camaçari. Após ser prensada e embalada, a droga abasteceria Salvador e as cidades vizinhas.

O delegado André Garcia, titular da 4ª Delegacia Territorial de Entorpecentes, disse que o material foi destruído no forno industrial de uma empresa parceira. “A vigilância Sanitária e o Ministério Público foram acionados e acompanharam a incineração”, contou.

Na operação, o Draco também encontrou maconha, duas prensas com capacidade para 20 toneladas e uma com possibilidade de prensar 70, elementos utilizados no tratamento da droga, 11 liquidificadores, bacias e baldes, livros-caixa, além de adesivos e brasões usados para identificar a qualidade do material e a quadrilha responsável.

Todos os itens permanecem armazenados em depósito.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas