Membros do BTS terão que prestar serviço militar na Coreia do Sul

em alta
22.11.2019, 20:03:00
(AFP)

Membros do BTS terão que prestar serviço militar na Coreia do Sul

Exceções são raras, mas podem acontecer

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Os membros da famosa boy band sul-coreana BTS não serão dispensados do serviço militar obrigatório, informou o Ministério da Defesa do país, reafirmando sua política de não abrir exceções para celebridades. O serviço militar completo dura cerca de 18 meses. A Coreia do Sul continua tecnicamente em guerra com a Coreia do Norte.

“Isentar artistas da cultura pop do serviço militar, embora tenham feito uma contribuição à reputação do país, não se alinha com a postura do governo de manter a justiça e a equidade”, diz comunicado do ministério.

Os sete integrantes da BTS estão no topo de sucesso da música pop coreana, que tem destaque em vários pontos do planeta, inclusive no Brasil. Eles tiveram três discos no topo da parada da Billboard, nos EUA, em menos de um ano. Também receberam uma indicação ao Grammy 2019.

Os rapazes têm entre 22 e 26 anos e não comentaram a declaração.

Homens sul-coreanos de 18 anos podem ser sujeitos a um exame físico da Agência Militar de Pessoal e depois encaminhados para prestar o serviço militar. As mulheres são dispensadas.

Exceções acontecem às vezes, como por exemplo para atletas que tenham conquistado medalhas nos Jogos Asiáticos ou na Olimpíada. Também pode valer exceção para concertistas que tenham recebido prêmios.

No ano passado, Son Heung-min, jogador do Tottenham, foi dispensado depois de ajudar a seleção do país a levar o ouro nos Jogos Asiáticos. Com quase 600 mil soldados, a Coreia do Sul teve menos de 45 dispensas do serviço militar neste ano.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas