Moradores de rua vacinados contra a covid-19 afirmam sentir 'alívio'

salvador
30.06.2021, 05:00:00
Atualizado: 30.06.2021, 06:54:06
Rosângela Bispo foi uma das vacinadas nesta terça (Paula Fróes/CORREIO)

Moradores de rua vacinados contra a covid-19 afirmam sentir 'alívio'

"Para mim, é muito importante saber que mais nenhum mal vai encostar na gente”, disse Marcos Jorge ao tomar sua injeção da Janssen

A prefeitura iniciou nesta terça-feira (29) a vacinação das pessoas em situação de rua em Salvador. Ao todo, cinco pontos foram disponibilizados, das 8h às 16h, para garantir a imunização desse público contra a covid-19. Cerca de 800 pessoas receberam a dose única do imunizante da Janssen no primeiro dia da iniciativa. Nesta quarta-feira, 30, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) prossegue com a imunização desse público. Os pontos instalados em locais estratégicos continuarão funcionando das 08 às 16 horas. 

O prefeito Bruno Reis participou da vacinação em um dos pontos montados no Núcleo de Ações Articuladas para População em Situação de Rua (Nuar), no Comércio: “Aguardamos a chegada da vacina Janssen, por ser de dose única, para facilitar esse processo, tendo em vista que essa população, como está nas ruas, é mais difícil de ser localizada depois para a aplicação da segunda dose”, disse o prefeito. 

Bruno também ressaltou que toda equipe da prefeitura, através da Abordagem Social, dos Consultórios de Rua e das unidades de saúde estão envolvidas na missão. Além do Nuar, a vacinação dos moradores de rua ocorre nos Centros POP da Djalma Dutra, dos Mares, de Itapuã e do Dois de Julho. A estimativa é de que todo esse público seja imunizado em três dias.

Marcos Jorge, 42 anos, se vacinou no Comércio, no Nuar. Ele falou da importância da vacina para ele. "A vacinação é o que vai deixar a gente despreocupado com essa maldita virose que está matando muita gente. Para mim, é muito importante saber que mais nenhum mal vai encostar na gente”, disse. 

Esse também foi o sentimento de Lucileide Moreira Sales, 37, que, inicialmente, estava com medo de se vacinar. Mas ela logo superou o medo e preferiu tomar a injeção para garantir sua segurança. Agora, recomenda os cuidados para todo mundo. “Estava com medo de tomar vacina, mas não tenham medo, porque é tranquilo e rápido. Deus abençoe, continuem se cuidando e usem máscara”.

Veja depoimento de Lucileide:

Outra vacinada que também confia na injeção para conter o vírus foi Raiane Nascimento, 24 anos: “Tô confiando que a vacina dê certo pra ver se melhora essa pandemia, que a situação consiga voltar ao normal, porque realmente está assustador”, disse.

Cerca de sete mil doses da Janssen foram separadas para a vacinação das pessoas em situação de rua que utilizam os serviços da Secretaria Municipal de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza (Sempre) e estão no Cadastro Único; além dos assistidos nas Unidades de Acolhimento Institucional (UAIs) e dos cadastrados no Programa Corra Pro Abraço. A lista também passou pela validação da Defensoria Pública da Bahia.

“Todos os dias, de segunda a segunda, tem uma equipe para essa abordagem social nas ruas. Cada equipe atende por demandas. No caso da vacinação, a pessoa já tem que ser previamente acompanhada por uma unidade, uma pessoa que tem interesse em receber o acompanhamento da Secretaria de Promoção Social”, explicou Fábio Barata, agente da prefeitura.

Prefeitura usou imunizante da Janssen, de dose única, para vacinar as pessoas em situação de rua

(Foto: Paula Fróes/CORREIO)


Outros públicos
A aplicação da primeira dose para os demais públicos habilitados ainda está suspensa, com previsão de retomada após a chegada de novos lotes enviados pelo Ministério da Saúde. 

“Temos capacidade hoje para vacinar, pelo menos, 40 mil pessoas por dia. Cerca de 300 novos profissionais foram inseridos esta semana para atuar na vacinação. Aguardamos apenas a vinda de mais doses para seguir avançando na imunização por idade”, informou o prefeito Bruno Reis.

Hoje, a prefeitura segue aplicando segundas doses, das 8h às 14h, das vacinas Oxford e CoronaVac para aqueles que estão com o reforço atrasado ou com a data agendada no cartão de vacinação para até 30 de junho. 

CALENDÁRIO

2ª dose: 08h ÀS 14h

A aplicação das 2ª doses Oxford e CoronaVac acontecerá entre 08h e 14h para aqueles que estão com o reforço atrasado ou com a data agendada no cartão de vacinação para até o dia 30 de junho. 

2ª DOSE OXFORD: 08H ÀS 14H

Drives: PAF Ondina, FBDC Brotas e Shopping da Bahia.

Pontos Fixos: USF Vista Alegre, USF Vale do Matatu, USF Teotônio Vilela II (Nova Brasília de Valéria), FBDC Brotas, USF Fernando Filgueiras (Cabula VI) e USF Cajazeiras X.

2ª DOSE CORONAVAC: 08H ÀS 14H

Drive: Barradão.

Pontos Fixos: Barradão e UBS Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas