Morre o compositor Aldir Blanc, vítima da covid-19

coronavírus
04.05.2020, 08:29:20
Atualizado: 04.05.2020, 09:17:36

Morre o compositor Aldir Blanc, vítima da covid-19

Ele estava internado em estado grave, no Rio de Janeiro

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Morreu na madrugada desta segunda-feira (4) o compositor Aldir Blanc, aos 73 anos. Ele estava internado em estado grave com covid-19. Ele foi diagnosticado com a doença no dia 23 de abril e estava no Hospital Pedro Ernesto, no Rio de Janeiro.

Aldir Blanc é autor ou coautor de diversas canções fundamentais da música popular brasileira, como O Bêbado e a Equilibrista, Bala com Bala, O Mestre-Sala dos Mares, De Frente Pro Crime e Caça à Raposa, além de outras quatro centenas de letras e composições, e uma também de uma extensa obra como cronista.

Covid-19
O artista foi internado no 10 de abril, com sintomas de infecção urinária e pneumonia, e uma de suas filhas, Isabel, chegou a pedir doações para possibilitar a transferência e tratamento do artista, então no CTI do CER do Leblon.

As primeiras informações descartavam a possibilidade, mas novos exames mostraram suspeita de coronavírus e o compositor foi submetido ao teste específico de covid-19, que se revelou positivo.

O exame foi realizado pelo Laboratório Central Noel Nutels, da rede estadual.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas