Morre taxista baleado por falso passageiro em São Cristóvão

salvador
27.11.2017, 07:58:29
Atualizado: 27.11.2017, 14:51:46

Morre taxista baleado por falso passageiro em São Cristóvão

Milton Silva dos Santos tinha 53 anos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O taxista Milton Silva dos Santos, 53 anos, morreu na noite de domingo (26) no Hospital Geral do Estado (HGE). A informação foi confirmada ao CORREIO na manhã desta segunda-feira (27) pelo presidente da Associação Geral dos Taxistas (AGT), Denis Paim.

Milton havia sido baleado durante uma tentativa de assalto na noite de sexta-feira (25), na Avenida São Cristóvão, em São Cristóvão. De acordo com o boletim de ocorrência registradona unidade hospitalar, Milton tinha ido ao Imbuí atender a uma chamada por volta de 21h40. 

No bairro, Milton pegou uma corrida com quatro passageiros: três homens e uma mulher. Ao chegar em São Cristóvão, contudo, o grupo anunciou o assalto. Milton saiu do carro correndo, mas foi baleado pelos suspeitos. 

Segundo o porta-voz da Comissão dos Taxistas da Bahia, João Adorno, a vítima, que dirigia um Corsa sedan (placa NYV-6588 e alvará A-4237), foi atingida por pelo menos quatro tiros. A ocorrência do HGE confirma os quatro tiros - três na região torácica e outro no braço direito. 

Ainda não há informações sobre o sepultamento da vítima. Ninguém foi preso até o momento. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas