Motorista de BMW é esfaqueado até a morte em frente ao filho de 4 anos

mundo
17.11.2021, 21:17:37
(Reprodução/Terry Blalckburn)

Motorista de BMW é esfaqueado até a morte em frente ao filho de 4 anos

Um pedestre abriu a porta do carro e esfaqueou James Stokoe após uma discussão de trânsito

Um motorista de BMW foi esfaqueado até a morte, na frente de seu filho de quatro anos, após uma discussão com um pedestre que atravessava a faixa da pista movimentada.

Alexander Layton, de 34 anos, supostamente tirou uma grande faca de uma sacola de compras, abriu a porta do carro e esfaqueou James Stokoe, 40, três vezes na perna e uma no braço, antes de fugir a pé em maio do ano passado.

Segundo o Daily Mail, os jurados do Tribunal da Coroa de Teesside, na cidade inglesa de Thornaby, foram informados de que James levava seu filho, que estava preso a uma cadeirinha no banco de trás do carro, para ver os avós no momento do ataque.

O agressor, no entanto, negou o assassinato e a posse da arma. Segundo o site, ele ainda alegará que agiu em legítima defesa.

O tribunal ouviu que Alexander havia saído de um ônibus e caminhado pela pista, aparentemente sem perceber a BMW que se aproximava.

James, que conduzia o veículo, foi forçado a fazer uma parada brusca e então, com raiva, disse a Layton: “Eu quase te atropelei, tenho um filho no carro comigo”.

Testemunhas ouviram Alexander responder: "Você está falando comigo? Foda-se, estou aqui, venha aqui, venha então."

Os jurados assistiram a imagens do incidente, que mostrava Alexander marchando em direção ao carro de James.

A filmagem da câmera de segurança mostra Alexander saindo de um ônibus, quase sendo atropelado, e esfaqueando James quatro vezes.

Alexander fugiu do local, descartou a faca, que não foi encontrada, e saiu para acampar, antes de ser preso na noite seguinte em uma pizzaria.

O caso continua em julgamento pela corte local.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas