Mulher morre no HGE após ter o corpo queimado em explosão de gás

bahia
13.12.2019, 08:35:00
Atualizado: 13.12.2019, 09:39:39

Mulher morre no HGE após ter o corpo queimado em explosão de gás

Acidente ocorreu em outubro e, desde então, a vítima estava internada na unidade de saúde

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Vítima de uma explosão de gás, Ivonilde Ramos de Almeida, 51 anos, morreu na noite de quinta-feira (12), no Hospital Geral do Estado (HGE). O acidente ocorreu no dia 17 de outubro, na casa da vítima, que morava em Conceição do Coité. No mesmo dia doa acidente ela foi socorrida para Salvador e internada na unidade de saúde que possui um centro de referência no tratamento de queimados.

De acordo com informações do posto policial do HGE, Ivonilde teve 17% do corpo queimado durante a explosão. Foram atingidos, principalmente, membros superiores e o lado direto do corpo da vítima. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues. Não há informações sobre o dia e local do enterro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas