Mulher pula de janela para fugir de ex-marido durante cárcere privado na BA

bahia
16.11.2017, 09:18:49
Atualizado: 16.11.2017, 10:49:25
(Foto: Reprodução/TV Sudoeste)

Mulher pula de janela para fugir de ex-marido durante cárcere privado na BA

Homem estava inconformado com o fim do relacionamento

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Uma mulher que estava sendo mantida refém pelo ex-marido em Vitória da Conquista, Sudoeste baiano, aproveitou um momento de distração para fugir do cárcere privado. Ela se jogou pela janela de uma altura de quatro metros para escapar do ex-companheiro inconformado com o fim do relacionamento.

Segundo a Polícia Militar, ela foi trancada na noite de terça-feira (14) dentro de casa, na Avenida Alagoas, junto com as filhas de 4 e 12 anos. Na quarta-feira (15), por volta das 15h, a PM foi informada do crime e iniciou as negociações.

Policiais 78ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Vitória da Conquista) verificaram que o homem estava armado com uma faca de serra e conseguiu libertar as duas meninas. Equipes da 77ª CIPM também foram acionadas para o local.

Foto: Reprodução/TV Sudoeste

O homem se negou a libertar a ex-esposa, mas durante um momento de distração dele, ela foi até o quarto e se jogou da janela. A mulher foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Geral da cidade com leves escoriações. Depois de atendida, ela foi liberada.

Já o homem foi conduzido para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas