Mundo Plaza tem 10 salas interditadas por funcionarem mesmo com proibição

coronavírus
05.03.2021, 18:24:00
Atualizado: 05.03.2021, 18:24:30
(Divulgação)

Mundo Plaza tem 10 salas interditadas por funcionarem mesmo com proibição

Estabelecimentos não essenciais abriram normalmente

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Mundo Plaza teve 10 salas comerciais interditadas na tarde desta sexta-feira (5), por descumprimento do decreto que proíbe o funcionamento de atividades não essenciais. O condomínio também foi notificado por permitir a irregularidade. 

As empresas foram notificadas após uma ação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur), com apoio da Polícia Militar. Durante a operação, foram interditados escritórios de engenharia, advocacia, contabilidade, além de lojas de roupas, salão de beleza e clínica de estética. 

“Estamos recebendo muitas denúncias de irregularidades em prédios comerciais. E vamos intensificar as ações nesse locais para garantir que o decreto seja cumprido e possamos salvar vidas”, explica o coordenador de fiscalização da Sedur, Everaldo Freitas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas