'Não vou deferir impeachment', diz Rodrigo Maia sobre Bolsonaro

brasil
01.02.2021, 15:00:00
Atualizado: 01.02.2021, 15:05:10
(Arquivo AFP)

'Não vou deferir impeachment', diz Rodrigo Maia sobre Bolsonaro

Ele chegou a acenar com possibilidade, mas disse que não o fará

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), informou que não vai dar andamento e nenhum dos pedidos de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Maia está encerrando seu período como presidente da Câmara. "Não vou deferir impeachment", afirmou ele à jornalista Andreia Sadi, da Globo.

Ontem, em uma reunião com representantes do DEM e da esquerda, Maia chegou a cogitar a possibilidade de dar andamento a um dos pedidos protocolados na Câmara pedindo impeachment de Bolsonaro. A fala foi feita em tom de ameaça depois que deputados do DEM desistiram de apoiar a candidatura de Baleia Rossi (MDB) para a sucessão de Maia, apoiando Arthur Lira (PP), nome do Planalto na disputa.

Na reunião, foi informado que 16 deputados do DEM decidiram votar em Lira, o que deixa Baleia com apenas 15 representantes da sigla. Isso deixa a situação dele ainda mais complicada na eleição da Casa.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas