Nilton vai voltar a ser titular após três meses

e.c. bahia
24.07.2018, 19:50:00
Atualizado: 24.07.2018, 20:26:28
Ao lado de Gilberto, Nilton sorri; ambos serão titulares contra o Cerro-URU (Felipe Oliveira / EC Bahia)

Nilton vai voltar a ser titular após três meses

Será a quarta partida que o volante iniciará pelo tricolor; a última foi contra o Blooming, em abril

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A necessidade de poupar alguns jogadores no confronto dessa quarta-feira (15) contra o Cerro-URU, às 21h45, pela Sul-Americana, automaticamente dará oportunidades para outros que não têm tido tanto espaço. 

Quem voltará a ter uma chance no time titular após mais de três meses é o volante Nilton. A última vez que atuou foi justamente no torneio internacional, no jogo de ida contra o Blooming, em que o tricolor foi derrotado por 1x0, na Bolívia, no dia 12 de abril. Será a quarta partida que o jogador de 31 anos estará entre os 11 iniciais na temporada. As outras foram na derrota para o Botafogo-PB por 1x0 na Fonte Nova, primeiro jogo de 2018 e no empate em 0x0 contra o Fluminense de Feira, em Pituaçu, pelo Campeonato Baiano. 

Em entrevista ao Programa do Esquadrão, Nilton garantiu estar preparado para o desafio. "A condição do Nilton hoje é uma simples resposta: 100% tecnicamente e fisicamente, sem problema nenhum (...) Os treinos em casa acabei intensificando mais, aqui sempre fiz algo a mais. Consegui estar mantendo um ritmo bom, apesar de não estar jogando com frequência. Hoje, posso entrar sem problema nenhum e ajudar da melhor forma a equipe". 

Nilton formará a dupla de volantes ao lado de Edson, que substituirão os poupados Gregore e Elton. Ele disse ainda não ter preferência no posicionamento como primeiro ou segundo volante. "Já joguei como primeiro e segundo. No Japão já atuei como meia... Eu acho que tem que estar dentro e ajudar para demonstrar meu potencial. Sabemos da responsabilidade e espero poder entrar o mais rápido possível para ajudar a equipe. Jogador é fominha. Sempre quer jogar mais. Comigo não é diferente", afirmou. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas