No primeiro sábado após reabertura, 16 bares e restaurantes são interditados em Salvador

coronavírus
16.08.2020, 13:20:00
Atualizado: 16.08.2020, 13:36:02
Desde o início da reabertura, a força-tarefa já interditou 31 bares e restaurantes (Foto: Divulgação)

No primeiro sábado após reabertura, 16 bares e restaurantes são interditados em Salvador

Pai Inácio, La Taperia, O Mais Amado, Cabral, Oisarque e Fogo de Pizza são alguns dos estabelecimentos fechados durante a força-tarefa

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Prefeitura de Salvador interditou neste sábado (15) 16 estabelecimentos que infringiram o horário de funcionamento estabelecido pelos protocolos de reabertura de bares e restaurantes. Em vigor deste a última segunda-feira (10), o decreto que autorizou o início da Fase 2 de flexibilização das atividades econômicas na capital baiana, determinava que o horário máximo era até às 23h.

Os fiscais da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e policiais militares, que compõem a força-tarefa, fecharam 14 bares e dois restaurantes. Entre os estabelecimentos interditados neste sábado estão o Pai Inácio, La Taperia, O Mais Amado, Cabral, Oisarque e Fogo de Pizza.

Em Pernambués, dois bares também tiveram de fechar as portas. No bairro de São Marcos, as equipes encontraram oito bares irregulares que foram fechados e também dispersaram duas aglomerações. 

Desde o início da segunda fase da retomada, a força-tarefa já interditou 31 bares e restaurantes que não estavam respeitando as determinações dos protocolos.

“Não haverá tolerância com a irresponsabilidade. Existem regras que devem ser seguidas e o estabelecimento que não se adaptar será interditado por tempo indeterminado”, afirma o titular da Sedur, Sérgio Guanabara.

“Ficamos felizes em dar inicio a segunda fase de retomada das atividades, mas é preciso que haja colaboração”, completa. 

Sexta-feira
A noite da última sexta-feira (14) teve nove estabalecimentos interditados em Salvador. Entre os estabelecimentos que estavam funcionando de forma irregular estão o DOQ, no Itaigara; o Boulevard e o Espetinho do Guga, na Barra; e o Bar da Torre, na Ribeira; além de cinco estabelecimentos no Imbuí. 

Na noite da sexta-feira, a fiscalização passou por bairros como Fazenda Grande do Retiro, Santa Mônica, IAPI, Lapinha, Liberdade, Curuzu, Lobato, Plataforma, Periperi e Paripe. Nessas localidades, os estabelecimentos estavam cumprindo com os protocolos. 

Já na região do Itaigara, Barra e Imbuí, a força-tarefa identificou algumas irregularidades. Ao todo, foram realizadas 888 vistorias, nove interdições e uma dispersão de aglomeração.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas