Nova tarde em Itapuã: segunda etapa da requalificação da orla é entregue

salvador
13.11.2019, 21:40:00
Atualizado: 14.11.2019, 10:28:05
(Betto Jr./CORREIO)

Nova tarde em Itapuã: segunda etapa da requalificação da orla é entregue

Foram investidos R$ 3,2 mi no trecho entre a Casa da Marinha e a rua da Canção

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


O mar que não tem tamanho e o sol que arde permanecem iguais e ainda fazem jus à ode de Vinicius de Moraes e Toquinho. Mas quem por o velho calção de banho ou biquíni e for passar uma tarde em Itapuã não terá mais a companhia do aspecto de abandonado que o local tinha - e poderá estender sua esteira de vime e beber uma água de coco na agora revitalizada orla do Farol de Itapuã.

Será entregue nesta quinta-feira (14) a segunda etapa das obras, que revitalizou o pedaço de praia entre o Farol de Itapuã e a rua da Canção. O trecho recuperado abrange uma área de 21,5 mil m² e o custo total do projeto foi de aproximadamente R$3,2 milhões, investimento da prefeitura de Salvador.

O barranco e a grama deram lugar a um calçadão com direito a ciclovia e rampas para facilitar o acesso de pessoas com mobilidade reduzida. As tardes em Itapuã poderão ser emendadas com a noite, pois o local recebeu um banho de luz, espantando a escuridão e insegurança.

“Quem lembra de Itapuã pensa logo na desordem. Os restaurantes invadiam as areias e havia barracas em locais ilegais. Eram muitas agressões ao meio ambiente, fora que as pessoas tinham um espaço limitado para poder contemplar a linda paisagem. Com essa obra, nós pretendemos trazer as pessoas de volta para a praia e vão aproveitar o espaço da melhor maneira possível”, explica Tânia Scofield, presidente da Fundação Mario Leal Ferreira, instituição elaboradora do projeto.

(Foto: Betto Jr. / CORREIO)

O primeiro trecho da obra foi entregue em 2018 e compreende o lado esquerdo do Farol, da Casa da Marinha até a curva da residência onde morava Vinicius de Moraes, onde hoje funciona o restaurante Casa di Vina. O local recebeu quadras, parques e praças. As duas partes do projeto de requalificação estão incluídas no programa Salvador 360.

Os moradores da região já estão comemorando a entrega da segunda parte da revitalização. É o caso do cozinheiro Rafael Queiroz, 31 anos, frequentador assíduo da praia e que agora terá mais um motivo para visitar o local.

“Antes tinha os contratempos da sujeira, insegurança e abandono, mesmo assim vinha aqui praticamente todos os dias. A beleza daqui compensa qualquer dificuldade. Eu só espero que coloquem algum tipo de segurança patrimonial para manter a beleza disso aqui, pois, infelizmente existem vândalos que depredam e fazem mal uso do local”, torce o morador.

(Foto: Betto Jr. / CORREIO)

Aumento no movimento
Em Salvador há alguns meses, a estudante e moradora de Manaus Nicoly Nogueira, 20, já visitou boa parte da capital baiana, mas a orla de Itapuã foi o local que mais a encantou. Para ela, a requalificação da praia pode fazer com que o turismo da região se potencialize e possa concorrer até com o movimento de outro farol, o da Barra.

“Acho que Itapuã tem potencial pra ser um ponto turístico tão forte quanto a Barra. Aqui é um lugar maravilhoso, de paz e tranquilidade. Às vezes eu até esqueço a agitação da cidade, estando aqui”, conta a manaura que está em Salvador por conta de um intercâmbio estudantil.

Já o ambulante Jocivaldo Leite de Araújo, 35, que há 20 anos vende acarajé nas areias da praia do Farol de Itapuã, pontua que o movimento já melhorou após a entrega da primeira etapa das obras. Com a segunda, a expectativa é que o número de visitantes aumente ainda mais.

“Nos 20 anos que estou neste ponto, nunca vi essa praia tão bonita. Era tudo largado, mal cuidado. Alguns cactos, barrancos, um banheiro fedido… Agora tá tudo lindo e organizado. A única coisa que está atrapalhando o movimento aqui na região é a questão do óleo, mas quando ele for embora, espero ver isso aqui cheio”, afirma. 

Com orientação do chefe de reportagem Jorge Gauthier

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/5-filmes-que-voce-deve-assistir-para-apreciar-as-trilhas-de-ennio-morricone/
Compositor, que morreu aos 91 anos, era grande nome da música no cinema
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-baiano-hiran-lanca-segundo-disco-galinheiro/
Disco tem participações especiais de Tom Veloso, Majur e outros artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/serie-baiana-que-revela-salvador-sombria-ja-esta-disponivel-no-amazon-prime/
Produção tem roteiro e direção de Julia Ferreira, baiana que estudou cinema em Londres e Madri
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netos-de-luiz-gonzaga-divulgam-nota-de-nojo-por-uso-de-musica-em-live-de-bolsonaro/
Jair Bolsonaro convidou o presidente da Embratur para tocar durante a live da última quinta
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-da-lapinha-falam-ao-contrario-e-tem-um-dialeto-o-gualin/
Há meio século, falar ao contrário é considerado sinal de pertença para os moradores “raiz” do bairro da Lapinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/elza-soares-aos-90-e-cheia-de-projetos/
Cantora lança releitura de 'Juízo Final' e faz live neste sábado (4), com participação de Flávio Renegado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/como-tratar-a-dor-da-chikungunya-entenda-fases-da-doenca/
Registro de casos aumentou 440% na Bahia nos últimos seis meses; sintoma pode se tornar crônico e durar anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cheias-de-bossa-bebel-gilberto-lanca-parceria-com-martnalia/
Confira também o clipe Hipnose, de Larissa Luz, e a canção Caxixi, de Mariene de Castro
Ler Mais