Parceiros de apps como Uber e Rappi devem declarar Imposto de Renda; prazo acaba hoje

salvador
30.04.2019, 05:30:00
(Foto: Evandro Veiga/CORREIO)

Parceiros de apps como Uber e Rappi devem declarar Imposto de Renda; prazo acaba hoje

Declaração deve ser feita como 'trabalho não-assalariado'

A declaração do Imposto de Renda, cujo prazo de entrega termina nesta terça-feira (30), é obrigatória também para quem trabalha com empresas de aplicativos de transporte, como a Uber, e de entrega, como a Rappi – desde que tenham faturado acima do mínimo de renda. Só que, na prática, isso tem sido um desafio. 

“Está tendo um problema muito grande com Uber e essas empresas que não têm uma instituição formal de declaração e imposto de renda, porque as pessoas têm recebimento e é creditado na conta deles, mas não temos um comprovante devidamente”, pontuou o professor Jorge Bispo, da Faculdade de Ciências Contábeis da Universidade Federal da Bahia (Ufba). 

Quando a pessoa trabalha como Microempreendedor Individual (MEI), é mais fácil. A declaração do IRRF é feita a partir da declaração do MEI. Mas muitas das pessoas que trabalham com aplicativos não têm essa possibilidade. 

"O que recomendo é que se coloque como declaração de trabalho não-assalariado. Isso é uma coisa nova na nossa economia. Ela evolui, mas a legislação não acompanha. A legislação tem que evoluir junto. Assim, a pessoa pode informar os créditos mensalmente a partir dos extratos dos meses de trabalho", diz.

De fato, essa é uma questão nova. A própria Receita ainda está se acostumando a lidar com esses aplicativos. Segundo o delegado da Delegacia do órgão em Salvador, João Vicente Velloso, no caso do Uber, é como se o motorista estivesse recebendo diretamente do passageiro – já que a companhia retém a taxa de 25% do valor pago. 

“Seria um rendimento direto da pessoa física, como acontece com aluguel. Mas, nesse caso, por ser transporte de pessoa, existe uma redução de 60% do valor do imposto pago”, explicou. No caso de aplicativos como a Rappi, porém, não há transporte de pessoas. O app poderia ser visto como transporte de carga, mas poderia se encaixar como um rendimento de pessoa jurídica. 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/linn-da-quebrada-estrela-bixa-travesty/
Documentário debate sobre o corpo, gênero e identidades
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-civil-analisa-imagens-de-acao-da-prf-que-deixou-adolescente-morto/
Pai foi ouvido no DHPP; familiares homenagearam garoto de 17 anos nesta quinta-feira (21)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/operario-fica-pendurado-em-predio-durante-pintura-e-e-socorrido-veja-video/
Ele foi retirado de edifício em Fortaleza e conduzido a unidade médica pelo Samu
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-passar-mal-e-ser-socorrido-no-senado-kajuru-segue-internado-na-uti/
Colega baiano Otto Alencar ajudou a socorrê-lo em plenário: ‘não vai ficar sequela’
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/matou-como-se-ela-fosse-bicho-diz-testemunha-de-crime-contra-moradora-de-rua/
Defesa de comerciante alega que ele reagiu a uma tentativa de assalto
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bombeiros-controlam-incendio-em-academia-na-graca/
Fogo começou por volta das 22h40 e foi contido rapidamente
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/vai-para-um-programa-que-te-mereca-diz-fontenelle-a-lacombe-ao-vivo/
Jornalista ficou sem graça com o comentário e afirmou estar feliz no Aqui na Band
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/audiencia-do-caso-davi-fiuza-e-marcada-para-abril-de-2020/