Piovani critica Scooby: 'não quer abrir mão da liberdade para cuidar dos filhos'

em alta
13.04.2020, 10:37:50
Atualizado: 13.04.2020, 10:41:34

Piovani critica Scooby: 'não quer abrir mão da liberdade para cuidar dos filhos'

Dias antes surfista mandou um 'se ele não te quer, supera'

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Foto: Reprodução/Instagram

Com ou sem quarentena, algumas coisas nunca mudam. Nas últimas semanas Luana Piovani e Pedro Scooby voltaram a trocar alfinetadas, com direito ao surfistas parafrasear Marília Mendonça e mandar um "se ele não te quer, supera".

O último capítulo desta eterna troca de farpas aconteceu neste domingo (12) após a aparesentadora repostar uma dissertação criada pela psicóloga e influenciadora digital Manuela Xavier, em que cita a briga pública do ex-casal e aborda a inversão de valores quando se trata dos cuidados com os filhos.

"Tá achando tudo muito estranho? Inverte o jogo. Coloca o pai com a guarda de três crianças e deixa a mãe no mundo, livre, de boyzinho novo a tiracolo. Por que naturalizamos o óbvio, que é a mãe ficar com a guarda dos filhos? Não consigo imaginar em que momento a educação parental precisa de uma vagina para se operar. Os homens podem ficar encarregados da criação e da guarda dos filhos também, né? E querem abrir mão de sua liberdade? Aí não, né", começa o texto. 

Na sequência, a psicóloga ainda fala sobre a normalização de sobrecarregar a mulher. "A cultura é cruel com mulheres. Essa mulher do caso em questão, assim como todas as outras, não está louca. Não está exagerando. Não está sendo uma atriz. Ela está cansada. Sobrecarregada. Exausta. Injustiçada. Incompreendida. Em vez de ir lá na página dela insuflar rivalidades que se convertem em engajamento para ele, repensem suas práticas." 

Manuela disse que atende muitas mulheres com casos parecidos com o da apresentadora. "Mulheres incríveis carregando sozinhas o fardo de maternar, enquanto os homens saem ilesos dessa guerra. Sim, é uma guerra." 

"A maternidade solo, nesses termos, devasta a individualidade da mulher, destrói o senso de subjetividade e desejo da mulher enquanto sujeito autônomo, deixa a mulher solitária e isolada em um mundo em que tem gente demais para julgar e pouca gente a se oferecer em rede", continuou.

A influencer ainda citou a recente briga de Luana e Pedro Scooby por conta do valor pago por filho de pensão. "Dá para ver quem perde essa guerra, né? 300 euros não pagam essa batalha. Nada paga essa batalha."

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas