Policial Militar bate no rosto de mulher durante ocorrência em Porto Seguro

bahia
24.01.2022, 20:53:00
(Reprodução/redes sociais))

Policial Militar bate no rosto de mulher durante ocorrência em Porto Seguro

PM diz que investiga o caso e, caso seja comprovada a agressão, o agente será punido

Um vídeo que circula nas redes sociais, registrado na noite do último sábado (24), no bairro de Vila Valdete, no município de Porto Seguro, deixou os internautas indignados. Na gravação, um policial militar bate no rosto de uma mulher durante uma ocorrência. 

A Polícia Militar da Bahia informou que, no sábado, por volta das 21h40, militares do 8º BPM foram acionados pelo Cicom para atender uma solicitação de perturbação do sossego público, por parte de vizinhas que se encontravam com som alto em sua própria residência desde o início da noite. 

No local, a guarnição teria sido desacatada por duas mulheres, "que buscavam entrar em vias de fato com o policiamento solicitado". A corporação destacou ainda que o Cicom acionou mais duas viaturas. 

A PM alega ainda que uma das mulheres acusadas de desacato foi conduzida à delegacia. A segunda envolvida no caso teria se trancado em sua residência, impossibilitando sua apresentação. "Foi constatado pelos policiais que a conduzida danificou a viatura, causando uma pequena avaria. A ocorrência por desacato foi registrada na Delegacia de Polícia para a adoção das medidas cabíveis", explicou a PM em nota. 

Questionada sobre a agressão, corporação ressaltou que nenhum tipo de juízo imediato será emitido sem que os personagens envolvidos sejam ouvidos e todas circunstâncias sejam esclarecidas. "Salientando que a Polícia Militar da Bahia não compactua com condutas violentas e arbitrárias praticadas por qualquer um dos seus integrantes, e que tais fatos, quando ocorrem, são tomados por ações individuais e estão em total desacordo com os valores da Corporação", pontuou. 

A PM diz estar investigando o ocorrido e, caso seja comprovada a transgressão ou crime por parte de algum agente, "aqueles que cometeram a ação serão punidos, conforme as sanções previstas no ordenamento jurídico da corporação". 
 

Veja:

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas